TJMS
re9
(67) 99826-0686

Guarda Municipal recebe boina e braçadeira para distinguir farda do traje usado pela PM

Medida foi acordo com o MPE para cidadão diferenciar PM e GCM

29 NOV 2016
Thiago de Souza
19h12min
Guardas vestem boina e braçadeira em cerimônia

150 guardas municipais de Campo Grande, receberam, na tarde desta terça-feira (29), braçadeiras e boinas, que vão ajudar a distinguir a farda azul marinho, usada pela corporação daquela utilizada também pela Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. 

No evento, que aconteceu no auditório da Semed (Secretária Municipal de Educação), o prefeito Alcides Bernal (PP), destacou que um dos investimentos feitos para a Guarda Civil  em sua gestão foi a retirada da base da corporação de uma 'saleta' da antiga rodoviária para local adequado. O prefeito destacou mais uma vez para a corporação que foi vítima de um golpe, quando foi afastado do cargo em março de 2014.  

Na cerimônia simbólica, os agentes já vestiram os acessórios, que é uma boina azul royal e a braçadeira com inscrição GCM, em tamanho grande. 

O secretário Municipal de Segurança Pública, major Luidson Noleto, destacou que a GCM não poderia perder a cor original de seu uniforme, pois o azul é 'sua essência' e também é prevista em lei. O uso dos acessórios foi fruto de um acordo entre a Prefeitura e o MPE (Ministério Público Estadual), após denúncias de abuso de força por parte da população, que não sabia distinguir o que era PM e o que era GCM. Casos de atrito entre as corporações também foram registrados, gerando até ocorrência policial na delegacia. 

''A briga entre PM e Guarda Civil foi criada na gestão anterior'', declarou Noleto. ''Quem ganha com a desunião das forças é o bandido'', analisou. O titular da Semsp, disse ainda que as indicações para o curso hoje em dia respeitam critérios lógicos, diferentes, segundo ele, da administração anterior, cujo comandante tinha 'cota pessoal' para escolher guardas para receber treinamento. 

Veja também