(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Prefeitura aguarda liberação de recurso da União para revitalizar antiga rodoviária da Capital

Dinheiro foi incluso no orçamento da União por meio de emendas

11 JAN 2019
Rodson Willyams
13h45min
Foto: Arquivo TopMidiaNews

A prefeitura de Campo Grande segue no aguardo da liberação de recurso federal para dar andamento ao projeto que prevê a revitalização do Terminal Rodoviário Heitor Eduardo Laburu, antiga rodoviária da Capital.

Em outubro do ano passado, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) esteve em Brasília (DF) conversando com o ex-senador Waldemar Moka (MDB) e deputado federal reeleito Dagoberto Nogueira (PDT) para a liberação de R$ 15,5 milhões da União.

Por meio da assessoria de imprensa, a coordenadora da Coordenadoria Especial da Central de Projetos, Catiana Sabadin Zamarrenho, informou que a prefeitura depende da liberação do recurso do Governo Federal para dar andamento ao projeto. "Foi incluso no orçamento, mas depende do Governo Federal, já que a emenda não é impositiva".

Ainda informou que para adiantar o processo, foi realizado "junto com esta gerência política para a liberação, a prefeitura já providencia os projetos de engenharia para reforma, que inclui troca de telha, pintura do prédio e revitalização de todo o espaço da prefeitura, de 7,5 mil m²".


Projeto que pretende revitalizar a antiga rodoviária. Foto: Reprodução / PMCG. 

Recurso

Segundo a prefeitura, o recurso de R$ 15,5 milhões, será utilizada para o projeto de requalificação  da área pública do Terminal Rodoviário Heitor Eduardo Laburu, antiga rodoviária de Campo Grande.

O prefeito justificou na época que o projeto preserva importante patrimônio público de Campo Grande, colocando-o em conexão com as iniciativas em execução do Programa de Desenvolvimento Integrado de Campo Grande, em especial com a requalificação da Rua 14 de Julho.

A revitalização contribuirá para o estímulo a concentração de atividades econômicas, sociais e de circulação de pessoas no antigo Terminal Rodoviário, bem como atrairia novos serviços de vizinhança e oportunidades de trabalho, emprego e renda na região.

Veja também