TJMS - Setembro
(67) 99826-0686

Simples gesto de compaixão muda dia de professor e vira exemplo para garotada

Cozinheira tirou do bolso para ajudar professor e ganhou um fã para toda vida

14 JUL 2018
Dany Nascimento
15h15min
Foto: Repórter Top

Quem foi que disse que as pessoas só se preocupam com o próprio umbigo e esquecem de pensar no próximo, ainda não conheceu a ‘Tia da Cantina’ de uma escola que fica na Rua 26 de Agosto, no centro de Campo Grande. Ao encerrar o trabalho na escola, o publicitário e professor de história Fábio Gibin acionou um motorista de aplicativo, mas ao abrir a carteira se deu conta de que estava sem dinheiro.

Após tentar cadastrar o cartão de crédito no aplicativo para conseguir uma viagem para casa, a ação falhou e Gibin decidiu ir até a cantina da escola para tentar passar o cartão para pagar a corrida solicitada.  “Estava cansado, sem dinheiro e a tia da cantina disse que não sabia se poderia passar para me dar o dinheiro do caixa, mas ela nem pensou duas vezes, foi até o armário onde ela guarda as coisas dela e me deu, de seu bolso R$ 20. Eu não sabia como agradecer na hora, fiquei pensando o quanto ela me ajudou, era dinheiro dela, não sabia se ela precisaria desse dinheiro, poderia lhe fazer falta”.

O professor relembra que a mulher insistiu para que ele seguisse seu destino com o dinheiro. “Ela insistiu, me deu e disse: ‘professor, pegue o dinheiro e quando der você me paga'”.

Fábio afirma que ficou emocionado com a atitude da ‘Tia da Cantina’, que ele ainda não sabe o nome, mas já voltou para devolver o dinheiro emprestado. “Juro que meus olhos encheram de lágrimas. Hoje de manhã dei aula nessa escola, fiz questão de devolver o que ela me emprestou e quis tirar uma foto dela para mostrar que existem pessoas ótimas no mundo, ela é um exemplo disso, ficou toda sem graça porque estava de toca de trabalho, eu agradeço de coração a essa Tia da Cantina, que nem sabia meu nome, e eu o dela”.

Emocionado, Gibin acredita que a mulher é um ser iluminado que serve de exemplo para o mundo. “Um gesto de uma pessoa iluminada, precisamos de pessoas assim nesse mundo, simples, humilde e que ajudam o próximo sem nem saber quem são, obrigado. Tia da Cantina aos meus alunos quando forem pegar seu lanche, digam a essa tia que ela é especial”.

Veja também