FAPEC
FAPEC - vestiular
(67) 99826-0686
word wine - almoco japones 2

Após manhã abafada, pancadas de chuva caem sobre Campo Grande nesta tarde

Previsão aponta que há chance de tempestade, ventania e alagamentos até o final da semana

6 DEZ 2017
Amanda Amaral
14h15min
Foto: Wesley Ortiz

Já nas primeiras horas da tarde desta quarta-feira (6), a chuva retorna a cair em Campo Grande, assim como em boa parte de Mato Grosso do Sul. Na Capital, a previsão é que o clima permaneça nebuloso até o próximo final de semana, e há chance de que ocorram tempestades e ventos fortes, com risco de causar áreas alagadas e quedas de árvores.

A reportagem tentou entrar em contato com a Defesa Civil Municipal e a Estadual para averiguar quais os bairros mais afetados e se já há registro de danos, mas não obteve retorno até esta publicação.

Previsão

Em Campo Grande, o dia amanheceu com temperatura na casa dos 22°C, com umidade relativa do ar variando entre 55 e 94%. A máxima prevista para a Capital é de 30°C, com chuva durante todo o dia e mínima de 22°C.

Rochedo, Corguinho e Rio Negro também devem ter dia chuvoso, com temperatura máxima de 33°C. Em Corumbá e Ladário, chove durante a manhã, tarde e noite e os termômetros atingem 30°C. Em Aquidauana a temperatura atinge 32°C, com tempo estável no período da manhã e chuva durante tarde e noite.

Dourados também terá temperatura máxima de 32°C no período da tarde, com pancadas a qualquer hora do dia. A mínima prevista para o segundo maior município do Estado será de 22°C no período da noite.

Dicas e orientações de segurança

Se estiver chovendo forte ou trovejando, fique dentro de casa ou procure um lugar onde você possa se abrigar, desde que não seja em área de risco, ou próximo a árvores e postes, que podem atrair raios. Em casa, desligue aparelhos elétricos das tomadas e fique longe de janelas.

Se estiver dentro do carro, procure um local alto e espere o nível da água baixar, desde que também não seja próximo a postes ou árvores. Porém, se notar que seu carro pode ser arrastado pelas águas, pare, abandone o veículo e procure um local seguro. No caminho de casa para o trabalho ou escola, fique atento às notícias pelo rádio ou televisão sempre que puder. Isso pode evitar que você se coloque em situação de risco.

Em caso de perigo, chame a Defesa Civil pelo 199, a Polícia Militar 190 ou o Corpo de Bombeiros 193.

Veja também