TJMS CIJUS
vivi
(67) 99826-0686

Chuva intensa retorna nesta quarta e enxurrada toma conta das ruas de Campo Grande

Defesa Civil orienta que população se afaste de áreas onde há risco de alagamento e queda de árvores

8 FEV 2017
Amanda Amaral
14h08min
Avenida Salgado Filho Foto: Wesley Ortiz

Repetindo o que aconteceu no fim da tarde de ontem (7), a Capital passa por mais um período de chuva forte no início da tarde desta quarta-feira (8). Com o grande volume de água, córregos ficam prestes a transbordar, enxurrada avança em ruas e calçadas e árvores têm risco maior de queda.

Em cerca de vinte minutos, a chuva começou a tomar conta da Rua Rui Barbosa, na região do Monte Líbano. A enxurrada ganha força em poucos instantes e dificulta a travessia segura de pedestres ou ciclistas pela via. Confira abaixo o vídeo:

A intensidade da chuva também é registrada em outras regiões da cidade, como a Avenida Salgado Filho e o bairro Jardim Los Angeles. Ontem, a água se acumulou na Rua 13 de Maio,  no bairro São Francisco, e impediu motoristas de seguir em frente.

Conforme boletim da Estação Meteorológica Uniderp, levantado pelo meteorologista Natalio Abrão, a região com maior volume de água foi no Cabreúva, com 66,8 mm. No Parque dos Poderes, a velocidade dos ventos chegou a 52,5 km por hora.

Orientações

Para tentar evitar transtornos com as chuvas, a Defesa Civil de Campo Grande orienta a população a tomar medidas seguras para não serem vitimas de enchentes e descargas elétricas.  A unidade alerta que o ponto mais critico é ao longo da avenida Ernesto Geisel nos cruzamentos das avenidas Euler de Azevedo, Mascarenhas de Moraes e Rachid Neder, além da Vila dos Ferroviários e o Horto Florestal.

Veja algumas dicas para prevenir transtornos:

- Evite se abrigar ou estacionar embaixo de árvores;

- Não deixe crianças brincando na enxurrada ou nas águas dos córregos, pois elas podem ser levadas pela correnteza ou ser contaminada, contraindo graves doenças, como hepatite e leptospirose;

- Não toque ou use equipamentos elétricos que tenham sido molhados, pois há risco de choque elétrico e curto-circuito;

- Desligue os aparelhos elétricos das tomadas e o gás;

- Evite estacionar próximo a árvores ou linhas de energia elétrica;

- Evite estruturas altas, tais como torres, de linhas telefônicas e de energia elétrica;

- Não use telefone com fio;

- Não fique próximo a tomadas, canos, janelas e portas metálicas;

- Não toque em equipamentos elétricos que estejam ligados à rede elétrica.

Telefones úteis:

Corpo de Bombeiros – 193

Polícia Militar – 190

Defesa Civil Municipal – 199 / 3314-6018

PRF – 191

Samu – 192

Veja também