Aguas
tjms
(67) 99826-0686

Com 'monitoramento' de Puccinelli, campo-grandenses voltam a acreditar na Justiça

População acredita que envolvidos em esquema de corrupção pagarão pelos crimes

14 MAI 2017
Kerolyn Araújo
18h10min
Foto: Wesley Ortiz
cidades-interna1
Victor Hugo - 28 anos

A nova fase da Operação Lama Asfáltica, que teve como um dos investigados o ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli, deixou a população campo-grandense mais confiante de que a justiça está sendo feita e que ele pagará se for comprovado que cometeu algum crime.

Para o estudante Vinícius Ferreira, 20 anos, a investigação da Polícia Federal pode ter um resultado significativo. "Acredito que se há algo errado, o ex-governador deve ser investigado e arcar com as consequências. Se colocaram tornozeleira eletrônica nele, é porque existe um motivo", disse.

Segundo estudante, em uma época que a corrupção está sendo um assunto tão debatido, todas as investigações são válidas. "Acredito que essa operação terá um resultado positivo para a população", defendeu.

O aposentado Afonso Fernandes, 71 anos, também acredita que a Lama Asfáltica surtirá efeito e todos os envolvidos no esquema de corrupção serão condenados. "Aqui no Estado muita coisa está errada há muitos anos. Essa investigação em cima do Puccinelli é muito importante. Talvez a partir de agora as coisas comecem a andar como deveriam", disse.

Nem tão confiante assim, a dona de casa Leandra da Silva Souza, 33 anos, apoia a investigação, mas diz que ainda tem dúvidas se André pagará pelos crimes caso seja acusado e discorda da forma de monitoramento que o ex-governador está passando. "No Brasil, quem tem dinheiro consegue se livrar das coisas. Ele está com tornozeleira eletrônica, mas está em casa, no conforto do lar", ressaltou.

 

cidades-interna2
nando viana

Veja também