Corrida Cassems
studio center
(67) 99826-0686

Sem manutenção, brinquedos de praça com pregos expostos representam risco para crianças

Mãe reclama que a filha escapou por pouco de um acidente no espaço

9 JUL 2017
Liziane Berrocal
11h00min
Foto: Repórter Top
cidades-interna1
semana do transito

Alinne Rondon tem o costume de levar a filha de dois anos para passear e, no último domingo (1º), resolveu levar a menina na Praça Itanhangá, localizada no bairro de mesmo nome. No entanto, o passeio que era para ser uma diversão, acabou se tornando um risco e quase causou um acidente com a criança. 

“Os brinquedos estão enferrujados, quebrados, com pregos expostos, no escorregador, se a criança não se atentar, tem um baita prego bem onde vai descer. Eu vi bem na hora que minha filha foi brincar”, conta. Ela enviou fotos para a reportagem expondo o problema.

Segundo Alinne, o local está sem fiscalização e até mesmo a ponte que há lá, está com vãos que podem causar acidente não só com crianças. “Se não tem atenção, pode causar um acidente, quebrar uma perna ao cair no vão. Os cachorros passeiam livremente, sem coleira, vão na mesma areia que as crianças e não há fiscalização”, reclama.

Para a moradora, se não há manutenção, o local deveria ser fechado. “Para evitar que as pessoas se machuquem”.

Foto: Repórter Top

Prefeitura diz que praça está em cronograma de manutenção

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande informou que busca parcerias para adoção de espaço através do Propam (Programa de Parceria Municipal).

Apesar disso, a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep) tem um cronograma de recuperação destes equipamentos públicos que começou pela Praça Ary Coelho, com serviços em andamento. “A Praça Itanhangá está contemplada neste planejamento”, garantiram.  

Veja também