TJMS
re9
(67) 99826-0686

Guarda Municipal inicia curso para porte de armas na Capital

O 1º Curso de Patrulheiros conta com 103 profissionais

17 OUT 2016
Da Redação / PMCG
07h49min
Foto: Reprodução / PMCG

A Secretaria Municipal de Segurança Pública inicia nesta segunda-feira (17), o 1º Curso de Patrulheiros Preventivos da Guarda Civil Municipal de Campo Grande, que tem por objetivo formar os primeiros profissionais aptos a portar arma de fogo em atividade operacional. Ao todo serão formados 103 Guardas Civis Municipais selecionados a partir de rigoroso processo, tendo sido submetidos a testes intelectuais, físicos, psicológicos e investigação social.

O curso contendo aproximadamente 600h abrangerá conhecimentos práticos e teóricos acerca do Tema Patrulhamento Preventivo Armado, seguindo como norte o prescrito na Lei 13022/14 (Estatuto Geral das Guardas Civis no Brasil) com ênfase na Proteção aos Direitos Humanos. 

De acordo com o Secretário Municipal de Segurança Pública, Major Luidson Noleto, "esta é uma etapa histórica da GCM, vencida com muito sacrifício e oposição daqueles que queriam que a GCM permanecesse num processo de atraso ou que as oportunidades de crescimento profissional se circunscrevesse apenas a GCM’s escolhidos por critérios pessoais, como foi no último processo seletivo iniciado no primeiro semestre de 2015. 

O ex- secretario, por resolução, definiu que 20% das vagas seriam estabelecidas pela “cota pessoal” do chefe da pasta. Revogamos a resolução atendendo aos critérios da legalidade, da moralidade, da impessoalidade, da publicidade e da conveniência bem como cancelamos o processo seletivo citado atendendo à recomendação do Ministério Público e iniciamos um novo que finaliza com a matrícula dos aprovados e a execução do curso", disse.

Armas da Guarda Municipal. Reprodução:PMCG

Ainda segundo Noleto, o Prefeito Alcides Bernal foi o grande protagonista do crescimento institucional da GCM, retirando-a do ostracismo. "A administração atual tirou a Guarda Municipal do abandono e dotou uma nova infra-instrutora, além de enfrentar os problemas com a energia e a responsabilidade necessárias de quem tem a exata noção da relevância e complexidade do Tema Segurança Pública para o Município e para os munícipes. 

A Nova sede do Comando da GCM , bem como o Centro de Formação  e Desenvolvimento( CEDESP), serão inaugurados em breve e já iniciam suas atividades atuando na formação desses profissionais e de outros que virão. A meta é formar 150 profissionais por ano, chegando a 750 homens e mulheres armados até 2021”, destacou o secretário. 

Veja também