(67) 99826-0686
AGEREG TARIFA MÍNIMA

Homem morre em hospital com suspeita de H1N1; número de mortes em MS já chega a 7

Em 2016, vírus matou 95 pessoas no Estado

12 JUL 2018
Kerolyn Araújo
13h10min
Foto: Rodrigo Rodrigues/Nova Alvorada News

Um homem de 26 anos morreu com suspeita de H1N1 nesta quinta-feira (11), em Nova Alvorada do Sul, cidade distante a 117 quilômetros de Campo Grande. Até o momento, sete mortes causadas pelo vírus foram registradas em Mato Grosso do Sul nos primeiros seis meses de 2018.

Conforme informações do site Alvorada Informa, a vítima deu entrada no hospital da cidade na terça-feira (10) com sintomas cardíacos, porém o quadro evoluiu, o homem teve uma Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), que pode ser causada por gripe, e acabou falecendo. A causa da morte será investigada, mas a equipe médica suspeita de H1N1.

De acordo com relatório epidemiológico divulgado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), Mato Grosso do Sul já tem sete mortes causadas pelo vírus Influenza A H1N1 confirmadas. Três delas ocorreram em Campo Grande e o restante nas cidades de Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim e Nioaque.

Ainda conforme a SES, a cidade com maior número de casos confirmados de H1N1 é Campo Grande, com um total de 19. Em 2017 nenhuma morte causada pelo vírus foi confirmada no Estado. Em 2016 o número chegou a 95.

Veja também