(67) 99826-0686
CG bem melhor - maio

Para Reinaldo, Caravana nas Escolas deve reduzir índices de repetências na rede pública

Até o momento, 62 escolas foram visitadas e quase 12 mil alunos passaram pelos exames de vista e audição

16 MAI 2018
Rodson Willyams
11h00min
Foto: Rodson Willyams

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o prefeito Marquinhos Trad (PSD) estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira (16), visitando mais uma etapa da Caravana nas Escolas. O evento aconteceu na Escola Municipal Professora Brígida Ferraz Fóss, que fica na rua Brigadeiro Machado, 1.271, Vila Jacy, em Campo Grande.

Segundo o governo, em 18 dias de atendimento, 62 escolas foram visitadas e 11.773 alunos passaram pelos exames de vista e audição. Destes, 3.037 alunos foram indicados para a semana “D”, o equivalente ao índice de 25,8% de alunos com algum tipo de alteração.

Para Reinaldo Azambuja, o projeto tem a função de diminuir o baixo rendimento escolar e o índice de repetência nas escolas. "O mundo precisa de um bilhão de óculos", comentou. "E é o que nós identificamos aqui, baixo rendimento nas escolas, mas não é problemas de educação e sim um problema de saúde".

Azambuja ainda lembrou que de 42 mil exames realizados, "de 12 a 15 mil alunos deverão receber óculos ou aparelho auditivo".

Campo Grande

Ao ser questionado se o município poderia tornar obrigatório os exames na rede pública, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) disse que a cidade não teria condições de financiar o projeto.

"O município não tem condições. O Estado e o Governo Federal tem que auxiliar. O município está com todas as escolas prontas para recepcioná-las", finaliza.

Veja também