re9
lalu kids
(67) 99826-0686

Celeiro de música sertaneja, Mato Grosso do Sul é o berço de artistas de sucesso

Comemorando 39 anos, Estado revelou diversos cantores que hoje fazem fama em todo o país e no mundo

11 OUT 2016
Kerolyn Araújo
15h00min
Foto: Divulgação

Conhecido como o celeiro da música sertaneja, Mato Grosso do Sul é o estado que mais despontou artistas de sucesso do segmento nos últimos anos. Almir Sater, Luan Santana e Michel Teló, são alguns dos nomes que se consagraram no Brasil e também fora dele.

Um dos pioneiros, o músico Almir Sater, gravou seu primeiro CD, intitulado como ‘’Estradeiro’’, em 1981. Depois, outros discos vieram, consagrando a carreita do artista. Almir também foi protagonista da novela Pantanal, onde interpretou o personagem Zé Trovão.

Falando dos mais novatos, a dupla de Coxim, João Bosco e Vinícius, foi a primeira a fazer grande sucesso fora de Mato Grosso do Sul. Com a música ‘Falando Sério’, a dupla ficou conhecida nacionalmente. Em 2009, a música ’Chora me liga’’, canção de trabalho dos músicos na época, foi a mais executada nas rádios do Brasil.

Em seguida, surgiu Luan Santana, também conhecido como o ‘’Gurizinho de Jaraguari’’. Autor de grandes composições, Luan gravou o primeiro DVD de trabalho em 2009, em Campo Grande. Na ocasião, o novo fenômeno da música sertaneja levou mais de 85 mil pessoas ao Parque das Nações Indígenas. Desde então, Luan Santana mantém o sucesso e é considerado um dos artistas com os fãs mais fieis.

Em 2009, foi a vez de Michel Teló lançar a carreira solo. Após 12 anos como vocalista do Grupo Tradição, conjunto musical de baile que foi o pioneiro em levar o nome do Estado para fora do país, Teló resolveu que era a hora de seguir o sonho de tocar sozinho. Com a música ‘’Ei, psiu, beijo me liga’’, o cantor começou a ser reconhecido, mas foi com o hit ‘’Ai Se Eu Te Pego’’ que Teló ganhou o mundo.

Com o sucesso mundial, Michel se apresentou em vários países e levou para casa dois prêmios no Billboard da Música Latina no ano 2013. Pelo segundo ano consecutivo, Michel foi indicado ao prêmio Grammy Latino de 2016, concorrendo na categoria "Melhor Álbum Sertanejo'' com o disco "Baile do Teló".

Conhecidos após ganharem ao concurso "Garagem do Faustão", no ano de 2010, a dupla campo-grandense Munhoz e Mariano continua se mantendo nas paradas de sucesso. Donos do hit "Camaro Amarelo", os cantores conquistaram o espaço, participando dos principais festivais de música sertaneja do país.

Atualmente, o cantor Mariano também participa de mais uma edição do quadro "Saltibum", do programa Caldeirão do Huck. Com apenas 39 anos de existência, Mato Grosso do Sul ainda tem muitos talentos para revelar.

Veja também