Selviria Outubro
(67) 99826-0686
HPV - OUTUBRO

Cineasta de MS leva curta-metragem e máquinas de brinquedos a escolas e Youtube

Curta-metragem escrito e dirigido pelo campo-grandense Ulísver Silva, estreará diretamente no Youtube neste sábado, dia 13 de outubro

12 OUT 2018
Assessoria
14h23min
Foto: Reprodução

Você já deve ter sentido a alegria de ver algo construído por você se tornar realidade. Agora imagine como é esta sensação em uma criança. Este é o tema do filme "As Invenções de Akins", um curta-metragem escrito e dirigido pelo cineasta campo-grandense Ulísver Silva, que estreará diretamente no Youtube no próximo dia 13 de outubro. O patrocínio é da Prefeitura Municipal de Campo Grande, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e Fundo Municipal de Cultura e Turismo (FMIC).

O filme conta a história do pequeno Akins, filho único de mãe solteira, que resolve construir sozinho uma máquina feita de sucatas e brinquedos. Porém, a complexidade da empreitada acaba trazendo à tona uma série de inseguranças do menino que, além de sofrer com limitações materiais, sente a falta de uma figura paterna para lhe ajudar a encarar os desafios complexos da vida.

Usando de muito humor, aventura e uma pitada de fantasia, a narrativa de "As Invenções de Akins" busca mostrar para o público infantil que é possível resolver situações-problema por meio da persistência, da curiosidade e do aprendizado proveniente da tentativa e erro. "As Invenções de Akins" é inspirado na experiência pessoal do cineasta Ulísver Silva, que também é filho de mãe solteira e na infância adorava criar seus próprios brinquedos usando materiais recicláveis.

O cineasta realiza curtas-metragens desde a adolescência, porém sempre fez de forma experimental e "na raça". Desta vez, porém, realiza o que considera seu primeiro filme profissional, feito com dinheiro, bons equipamentos e uma equipe de 20 pessoas.

O ator principal, Vitor Vieira, morador das Moreninhas, começou as filmagens quando tinha 9 anos, agora já tem 10 anos. De acordo com o diretor, o ator-mirim nunca teve experiência com atuação, mas mostrou grande desembaraço nos testes de elenco e se encaixou perfeitamente no personagem.

Os outros atores do filme também são estreantes: Maria Eny, a atriz mais experiente do elenco, interpreta a mãe de Akins. Eny veio de Dourados para Campo Grande só para as filmagens e chegou a sacrificar seu aniversário para estar na Capital para participar dos testes de elenco.

Completam o elenco: Luiz Carlos Santana, músico e percussionista, faz o pai de Akins; Henrique, ator que interpreta o amigo de Akins; Júlio G. Carrapateira, João Alisson e José Antônio Venega Marques, que dá vida a um marceneiro e Agenor Age, designer e dançarino que faz uma participação especial na obra. A preparadora de elenco Nadja Mitidiero passou dois meses ensaiando os atores usando as mesmas técnicas de preparação de não-atores usadas no filme "Cidade de Deus" (2002). "Sentimos que se fizéssemos os atores decorarem as falas ia ficar muito mecânico. Então, optamos por um trabalho diferente. Nadja passou as ideias de cada diálogo e os atores improvisavam em cima disso", revelou Ulísver.

Além do personagem Akins, há outra "personagem" que rouba a cena no filme: A Máquina de Rube Goldberg. Uma máquina feita de sucatas e brinquedos que Akins resolve construir. O diretor explica que viu a máquina pela primeira vez quando era criança ao assistir a vinheta de abertura do programa Rá Tim Bum da TV Cultura. Mais velho, quando começou a criar o roteiro do filme, percebeu que precisava inserir na história um brinquedo que fosse extraordinário visualmente, mas também desafiador para ser construído. Foi aí que veio na memória a vinheta do Rá Tim Bum e Ulísver não teve dúvidas: a máquina tinha que estar no filme.

Assim que o curta-metragem for lançado, a equipe de produção exibirá o filme em escolas da rede municipal de Campo Grande e os professores poderão estimular os alunos a criarem suas máquinas como atividade complementar aos aprendizados em sala de aula. O diretor do filme já até se reuniu com professores da SEMED para articular as exibições.

A partir do dia 15, o filme será exibido em várias escolas da rede municipal de ensino de Campo Grande. Também será exibido durante a Semana Nacional da Ciência e Tecnologia, que será realizada no Palácio Popular da Cultura. O Integra UFMS será outro local de exibição, além de outros eventos. A ideia da equipe é exibir o filme no máximo de locais possíveis.

O público já pode conhecer mais sobre o filme acessando o site www.asinvencoesdeakins.com.br. O filme estará disponível no site no dia 13 de outubro e todos podem seguir as redes sociais da obra.

Veja também