(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Fundação de Cultura republica edital de seleção do projeto Som da Concha

Seleção

30 OUT 2013
Da Redação
11h40min

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul republicou nesta quarta-feira (30) o edital de seleção de artistas e grupos musicais que se apresentarão na temporada 2014 do projeto Som da Concha. Serão selecionadas 38 atrações. A nova redação altera os artigos 4º, 5º e 18º do Edital de Seleção Pública nº 006/2013 de Atrações musicais para a participação no Projeto Som da Concha edição 2014, publicado no Diário Oficial nº 8531, de 07 de outubro de 2013.

As inscrições, que estavam abertas no período de 7 de outubro a 20 de novembro de 2013, agora podem ser feitas de 30 de outubro a 3 de fevereiro. Os estilos musicais a que se destina o projeto também foram alterados. Além do erudito, instrumental, pop rock, rock, blues, jazz e MPB, foi adicionado ao edital o sertanejo. As datas de apresentações também sofreram alterações: 16 e 30 de março; 13 e 27 de abril; 11 e 25 de maio; 15 e 29 de junho; 20 e 27 de julho; 17 e 31 de agosto; 14 e 28 de setembro; 12 e 19 de outubro;16 e 23 de novembro e 7 de dezembro.

Seleção - Para a categoria Show de Abertura serão aceitas inscrições de músicos que tenham, no mínimo, um CD Demo. O show será de 30 minutos. Já para a categoria Atração Principal serão aceitas inscrições de músicos e/ou bandas que apresentem trabalho profissional e de qualidade artística já reconhecida junto ao público ou à crítica especializada, com show de 60 minutos.

Para a atração principal será pago um cachê de R$ 1.500,00. Para a categoria show de abertura, o cachê é de R$ 750,00. Caso o número de selecionados pelo edital seja inferior, a Fundação de Cultura poderá convidar artistas e/ou grupos musicais para participarem do projeto.

Uma Comissão nomeada pelo governo do Estado e composta por três membros titulares com reconhecimento da matéria em exame, podendo ser servidores públicos estaduais ou não, fará a análise dos projetos. A Comissão receberá todos os envelopes lacrados, apondo suas assinaturas nos envelopes. O processo será todo realizado nas dependências da Fundação de Cultura e será aberto ao público.

Os projetos serão analisados a partir dos seguintes critérios: excelência artística do espetáculo: qualidade técnica (peso 4); qualificação dos profissionais / currículo do proponente (peso 2); trabalhos autorais e inéditos (peso 2); viabilidade prática do espetáculo / adequação ao projeto e ao espaço cultural (peso 2).

Veja também