TJMS
re9
(67) 99826-0686

Após crítica, vídeo sobre férias 'some' da página do Ministério do Trabalho

12 OUT 2016
Uol
16h14min
Foto: Reprodução

O Ministério do Trabalho publicou em seu perfil no Facebook, neste domingo (9), um vídeo em que comparava o período de férias determinado por lei no Brasil com o de outros países. A postagem gerou polêmica e recebeu mais de 800 comentários --número bastante acima da média na página--, a maioria criticando o conteúdo. 

Na noite de segunda-feira (10), o ministério acrescentou uma correção ao post. Porém, na manhã desta terça-feira (11), o vídeo não aparecia mais na página do ministério no Facebook. O ministério informou ao UOL por volta do meio-dia, por telefone, que pretende publicar novamente o vídeo, ainda nesta terça, com as informações corretas.

Dias úteis X dias corridos
No vídeo, o ministério lista nove países que teriam um período de férias menor do que os 30 dias do Brasil, entre eles, Estados Unidos, Argentina, China e Suécia.

Vários internautas apontaram, porém, que a comparação estaria errada, já que no Brasil são 30 dias corridos, não dias úteis. Contando apenas os dias úteis, o Brasil passa a ter 21 dias de férias, segundo a OIT (Organização Internacional do Trabalho), agência ligada às Nações Unidas. 

Por essa contagem, o Brasil tem um período de férias menor do que a Suécia, citada no vídeo, já que lá são 25 dias úteis, por exemplo.

O Ministério do Trabalho, então, adicionou uma "errata" (correção) na postagem, confirmando que a comparação não estava correta, já que são 21 dias úteis de férias no Brasil, segundo a OIT.

Veja também