(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Depois de arrecadar US$ 1,82 bi, Twitter estreia hoje na bolsa

Ações

7 NOV 2013
G1
12h07min
Após faturar em todo ano de 2010 US$ 28,2 milhões, o Twitter elevou sua receita para US$ 253,6 milhões no segundo trimestre de 2013. Foto: Divulgação

As ações do microblog Twitter começam a ser negociadas nesta quinta-feira (7) na Bolsa de Valores de Nova York (Nyse), no maior IPO (oferta pública inicial das ações, em inglês) de empresas de tecenologia dos Estados Unidos desde a abertura de capital do Facebook. As ações foram oferecidas ao preço inicial de US$ 26, determinado na noite de quarta-feira.

A companhia escolheu a Bolsa de Nova York para negociar seus papéis, preterindo a bolsa eletrônica Nasdaq, escolhida pela maioria das empresas de tecnologia, como o Facebook e o Google. O símbolo escolhido pela companhia é o "TWTR", que já gerou confusão entre investidores – muito próximo ao "TWTRQ", usado pelo Tweeter, uma empresa falida de eletrônicos.

Ao todo, o Twitter colocou à venda 70 milhões de ações, que foram todas adquiridas. O preço de venda ficou acima do previsto: inicialmente, a empresa divulgou uma previsão entre US$ 17 e 20, depois elevada para entre US$ 23 e US$ 25. Com isso, o valor de mercado da companhia foi estimado em cerca de US$ 14 bilhões.

Há outras cerca de 475 milhões de ações, nas mãos dos atuais proprietários e do próprio Twitter, e que poderão começar a ser negociadas, aos poucos, a partir de 15 de fevereiro de 2014.

Com a oferta, a empresa arrecada US$ 1,82 bilhão – valor maior que o das ofertas iniciais de empresas como Google, Zynga e Groupon – e atrás, entre as empresas de internet, apenas do Facebook.

Criadora do hashtag, técnica que agrega conversas que utilizem um mesmo termo, a rede possui 215 milhões de usuários e chega a receber por dia meio bilhão de tuítes por dia, informa a companhia.

Mobilidade

A abertura de capital do Twitter é a mais aguardada do mundo digital desde que o Facebook se tornou uma empresa aberta em maio de 2012. Na época, a rede social arrecadou US$ 16 bilhões e teve valor de mercado fixado em US$ 104 bilhões, quando suas ações foram vendidas a US$ 38.

No entanto, há diferenças marcantes entre a situação financeira das situações pré-IPO de Twitter e Facebook. Enquanto a rede de Mark Zuckerberg demorou a conseguir faturar com seu crescente número de usuários móveis, o microblog informa que 65% de seu faturamento já vêm de dispositivos móveis.

Além disso, os 218,3 milhões de usuários do Twitter são mais móveis que os do Facebook. Enquanto no Facebook, os usuários que acessam a rede por meio de celulares e tablets beiram chegaram aos 71% somente em junho de 2013, no Twitter, os "usuários móveis" já são 75% do total.

Os bancos que subscreverão a entrada do Twitter na Bolsa são Goldman Sachs, Morgan Stanley, JP Morgan, Merril Lynch, Deutsche Bank, Allen & Company e Code Advisors.

 

Receitas

Após faturar em todo ano de 2010 US$ 28,2 milhões, o Twitter elevou sua receita para US$ 253,6 milhões no segundo trimestre de 2013. Entre os meses de abril e junho deste ano, a empresa registrou prejuízo de US$ 69,2 milhões.

Da receita total, 17% vieram de fora dos Estados Unidos (US$ 53 milhões) em 2012. A fatia internacional subiu para 25% (US$ 62,8 milhões), em 2013. Os principais países fontes de receita, segunda a empresa, são países como Austrália, Brasil, Canadá, Japão e Reino Unido.

De todos os usuários do Twitter, 169,1 milhões são de fora dos EUA, enquanto apenas 49,2 milhões são norte-americanos. No entanto, a empresa aponta que a expansão internacional é uma das metas quando se tornar uma companhia aberta, pois a receita com anúncio por timeline vista é de US$ 2,17 nos EUA, mas apenas de US$ 0,30 fora do país.

Para mudar esse quadro, o microblog pretende ampliar sua área comercial em países chave, como o Brasil. Estão nessa lista ainda Austrália, Irlanda e Holanda. Além disso, os usuários do Twitter são mais móveis que os do Facebook. Enquanto no Facebook, os usuários que acessam a rede por meio de celulares e tablets beiram os 50% agora, no Twitter, esse percentual chegou a 75% do total em junho deste ano.

Veja também