(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Novos empreendedores apostam no espaço e na reocupação da Antiga Rodoviária

Economia

21 OUT 2013
Aline Oliveira
14h00min
Fotografia: Geovanni Gomes

Os comerciantes da Antiga Rodoviária estão otimistas com a chegada de 15 novos empreendimentos no local e que prometem proporcionar o retorno do público, afastado desde a mudança do terminal rodoviário para um novo prédio, localizado na região Sul da Capital, na saída para São Paulo.

 

Segundo a representante dos comerciantes, Rosane Nely são lojas de vários segmentos comerciais e com pessoas que apostam na estrutura e localização do prédio. "Ficamos satisfeitos de ver tantos empreendedores vindo para cá, em sua maioria um pessoal jovem e com muita vontade de crescer e prosperar", analisou.

 

Novos empresários - Uma das empreendedoras que apostaram no local, foi a proprietária da confeitaria "Confraria dos Doces", Marry Carvalho. Ela trabalhava na própria residência e resolveu mudar em razão da localização. "Trabalho com fornecimento de alimentos para casamentos, aniversários e outros eventos. Meu produto é personalizado e consegui conquistar uma boa clientela. No entanto, meus clientes comemoraram quando resolvi sair do bairro Santa Luzia e me instalar aqui", relatou.

 

A empresária conta que tudo começou quando foi convidada para expor seus quitutes no evento Luz na Rodô, realizado em julho e conseguiu um ótimo retorno do público que participou do evento. " O prédio é muito bom e seguro e os comerciantes daqui são uma família, ajudam uns aos outros em tudo. Eu e minha família nos sentimos acolhidas e estimuladas de abrir nosso negócio aqui", ressaltou.

 

Outra empresária que demonstra bastante animação em abrir o próprio negócio é Patrícia Goulart que é sócia de uma loja de moda e tatuagens chamada "Dread Rock". Ela explicou que resolveu montar uma loja junto com a sócia Ana Cláudia, por acreditar que é possível viver com a diversidade, preservando os aspectos culturais. "Este local é antigo, faz parte da história da cidade e as pessoas sentem muito carinho. É gostoso encontrarmos amigos aqui  investindo em seus sonhos. Já temos uma loja de cupcake, estúdios de música e fotografia e em breve teremos um restaurante vegano/vegetariano e uma casa especializada em hip-hop", declarou.

 

Patrícia contou que tem intenção de trazer para o local todas as novidades dos grandes centros brasileiros, já que muitas tendências demoram a chegar na Capital. "Nossa intenção é sempre oferecer produtos diferenciados e que estão em evidência. Cada loja aqui tem a personalidade do dono e não queremos ser mais um comércio, mas mostrar personalidade e diferencial".

 

Na opinião da jovem, é preciso reocupar o local, com carinho e respeito à diversidade. "Acredito ser perfeitamente possível  convivermos com as pessoas que já estão aqui há muitos anos. Tudo vai do respeito ao espaço do próximo, por isso não tenho dúvidas que faremos sucesso", afirmou.

Fotografia: Geovanni Gomes
Fotografia: Geovanni Gomes
Fotografia: Geovanni GomesMarry e a filha, proprietárias da 'Confraria dos Doce'Fotografia: Geovanni Gomes

Veja também