(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Pesquisa de habitação revela crescimento de 13% no número de imóveis novos vendidos

Imóveis

15 OUT 2013
Aline Oliveira
14h45min
Fotografia: Aparício Reis

A venda de imóveis residenciais novos apresentou crescimento de 13% em nove Capitais brasileiras no primeiro semestre do ano, na comparação com igual período do ano passado. A informação foi divulgada hoje (15), pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi /SP) e revelou ainda que houve aumento de 9% nas vendas do município do Rio de Janeiro e 39% na região metropolitana de São Paulo.

 

Com a participação destas localidades no mercado imobiliário, as vendas cresceram de 51% para 61% em 2013. Somente em São Paulo foram comercializadas 28,7 mil unidades, o que significa mais da metade das casas e apartamentos vendidos no total. Nos seis primeiros meses do ano foram comercializadas 54,2 mil unidades em todas as regiões, contra 48 mil no ano passado.

 

Entre as regiões apurada houve retração em Fortaleza (CE) com redução de 32%, Belo Horizonte (MG) com 16%, Goiânia (GO) e Recife (PE) com 9%. Já nas capitais Porto Alegre (RS) e João Pessoa (PB) os recuos foram menores, com 4% e 5% respectivamente. Enquanto isso na Bahia, nos municípios de Lauro Freitas, Camaçari e Feira de Santana registraram queda de 3% nas vendas de imóveis novos.

 

No levantamento foi ressaltado ainda um avanço de 9% no número de unidades residenciais lançadas no primeiro semestre de 2013. Foram vendidas 3,9 mil unidades a mais este ano, passando de 41,6 mil para 45,5 mil.

 

Tiveram crescimento de vendas: São Paulo (41), Rio de Janeiro (9%), região metropolitana de Goiânia (50%) e João Pessoa (48%). Em Belo Horizonte também foi registrado aumento modesto na proporção de 2%. No comparativo de lançamentos e vendas, também neste primeiro semestre foi registrado comercialização de 8,7 mil unidades a mais do que 2012.

 

 

Veja também