Corrida Cassems
studio center
(67) 99826-0686

Autor promete acabar com carreira de Aguinaldo Silva: 'provo quem está mentindo'

Aluno diz que autor pegou ideias de estudantes para fazer novela

17 JUL 2017
Blasting News
10h51min
Foto: Agnews
geral-interna1
semana do transito

Aguinaldo Silva é um dos principais autores da Rede Globo de Televisão. Ele é responsável por grandes sucessos da dramaturgia do canal, como 'Senhora do Destino' e 'Império'. Aguinaldo está trabalhando em sua próxima novela, mas está sendo alvo de inúmeros comentários.

Alguns alunos o acusaram de 'pegar ideias' e textos que eles fizeram durante um curso e criar personagens baseados nisto. A TV Globo teria ameaçado tirar a novela de sua fila, caso Silva não se resolvesse. O autor então conseguiu um acordo com a maioria desses estudantes, mas não com todos, como mostra uma matéria do jornalista Sandro Nascimento, do site Natelinha.

Um ex-aluno do tal curso ministrado pelo autor agora promete ir até à justiça para provar quem está mentindo. Ele diz que tinha papel importante na elaboração de seus textos. O estudante disse que assinou um termo de cessão de direitos autorais e que nele existe uma cláusula de confidencialidade. Por isso, não poderia falar mais a respeito do assunto.

O aluno evita falar em plágio. Ele explica que Aguinaldo Silva pegou as ideias e fez as transformações junto com os alunos e com isso ele acabava virando autor também. Os alunos teriam pagado cerca de R$ 4 mil pelas aulas com Aguinaldo. Ao todo 27 pessoas teriam participado do curso, o que dá um valor que se aproxima aos R$ 100 mil.

Aguinaldo Silva se defende, dizendo que pagou pelas ideias mais até que Globo pagaria

O aluno, que pode acabar com a carreira de um veterano autor ao impedir o que vem sendo chamada de sua última novela, diz que o que Aguinaldo não aceitou colocar os nomes de todos os estudantes como coautores.

Aguinaldo conta que apenas um dos estudantes decidiu ir à justiça, mesmo assinando um monte de documentos. O autor revela que tudo o que foi pago a ele pelos estudantes foi devolvido e com correção monetária. Ele diz que deu a quantia de R$ 5 mil para cada um dos alunos e que ao todo deu a quantia de R$ 130 mil pela ajuda na sinopse. Segundo o novelista, nem mesmo a Globo pagaria uma quantia tão alta.

A TV Globo, por sua vez, prefere ainda não dizer se 'O Sétimo Guardião' vai mesmo estrear nos primeiros meses do ano que vem. A emissora diz que isso é uma estratégia comercial. Por enquanto, na fila, existe apenas 'O Outro Lado do Paraíso', assinada pelo renomado autor Walcyr Carrasco.

Veja também