(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Duelos de hoje marcam os últimos jogos da semifinal da Copa do Brasil

Flamengo x Goias e Atlético Paranaense x Grêmio

6 NOV 2013
Schimene Weber
08h32min
Foto: Divulgação

De um lado, Flamengo e Goiás se enfrentam no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Do outro, Grêmio e Atlético Paranaense lutam por uma vaga na final na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Os torcedores do Fla e do Atlético estão mais tranquilos que os adversários, já que nos jogos de ida a vantagem foi do time carioca e do time paranaense.

Confira, abaixo, alguns detalhes da semifinal que acontece hoje a noite, às 21h50.

Flamengo x Goiás - Sessenta mil pessoas vão lotar o Maracanã na noite desta quarta-feira. O time rubro-negro tem vantagem pela vitória de 2x1 em Goiânia, na semana passada. O Fla joga por qualquer empate e pode até mesmo perder por um gol de diferença. Se os esmeraldinos vencer por um gol de diferença, no placar a parti de 3x2, avançam pelo gol fora de casa.

A escalação provável para o time carioca, comandado por Jayme de Almeida, terá o esquema 4-4-2 com: Paulo Victor; Léo Moura, Wallace, Chicão e André Santos; Amaral, Luiz Antonio, Elias e Carlos Eduardo; Paulinho e Hernane.

Enderson Moreira, comandante da equipe goiana, terá vários desfalques para o jogo de hoje, e deverá entrar com: Renan; Vítor, Ernando, Rodrigo e Mário Sérgio; Amaral, David, Eduardo Sasha, Renan Oliveira e Roni; Welinton Júnior (Júnior Viçosa).

Atlético Paranaense x Grêmio - O Grêmio tenta, hoje, quebrar o jejum de 12 anos sem título de expressão nacional. O Atlético Paranaense tenta, ineditamente, disputar a decisão da Copa do Brasil.

O Furacão tem a vantagem da vitória por 1x0 na Vila Capanema, mas o Tricolor joga em casa, com o apoio da torcida.

O técnico gremista deverá utilizar a formação 4-3-3, com: Dida; Pará, Bressan, Rhodolfo e Alex Telles; Souza, Ramiro e Riveros; Vargas, Kleber e Barcos.

Vagner Mancini, técnico do Furacão, deverá começar o jogo com: Weverton; Léo, Manoel, Luiz Alberto e Juninho; Deivid, João Paulo, Everton e Paulo Baier; Marcelo (Dellatorre) e Ederson. 

Veja também