festival de reggae
erro medico
(67) 99826-0686

Campo-grandense é selecionada para representar MS entre jovens empreendedores nos EUA

Estudante foi escolhida por espírito de liderança, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa

8 NOV 2017
Redação
16h14min
Foto: Reprodução

A Embaixada dos Estados Unidos divulgou na semana passada a lista dos 50 estudantes selecionados para participar do programa Jovens Embaixadores 2018. Mato Grosso do Sul será representado pela estudante Maria Eduarda Silva, da EE de Ensino Médio em Tempo Integral – Escola da Autoria José Barbosa Rodrigues, de Campo Grande. “Estou muito feliz, quando vi minha foto no site de divulgação do Programa quase não acreditei. Tudo o que fiz, o que corri atrás com meus pais e meus professores, deu certo, estou muito realizada”, comemora a estudante.

Em Mato Grosso do Sul, 185 estudantes se inscreveram, 20 foram selecionados e 4 ficaram entre os semifinalistas. Cada estado brasileiro conta com, pelo menos, um representante, formando um grupo de 50 jovens que participarão de uma viagem de intercâmbio para os Estados Unidos, com duração de três semanas. “Estou muito ansiosa, espero aprender muito. Estou super empolgada para a viagem porque quero muito saber de tudo, ela tem tudo a ver com a faculdade que eu quero, de Relações Públicas. A primeira semana será na Capital, Washington, e me dará uma bagagem diferente, que só a universidade não me proporcionaria”, explica.

Todos os estudantes selecionados passaram por um processo que envolveu inscrições, comprovação documental e exame escrito e oral. Para participar do Programa, é preciso ter entre 15 e 18 anos, ser exemplo na comunidade e ter espírito de liderança, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa, características presentes em Maria Eduarda, que atua como coordenadora do Grupo de Jovens na Igreja que frequenta. “Quero agradecer aos meus professores, a minha família, a minha escola e ao meu grupo, sem eles não seria possível. Todo mundo foi muito paciente e solícito, e eu serei eternamente grata”, finaliza.

Sobre o Programa Jovens Embaixadores

Desde 2003, 522 jovens brasileiros já participaram do programa, que tem como parceiros o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), as Secretarias Estaduais de Educação, a rede de Centros Binacionais Brasil-Estados Unidos, além das empresas FedEx, MSD, Microsoft, Bradesco, IBM e Boeing Brasil. O Programa Jovens Embaixadores é hoje realizado em todos os países do continente americano conta, ainda, com um programa inverso para jovens norte-americanos representarem os EUA na América Latina.

Veja também