TJMS
re9
(67) 99826-0686

MC Gui é detido após dirigir em alta velocidade sem habilitação

Com Land Rover Discovery, cantor não parou após pedido da PM

13 OUT 2016
Globo
10h33min
Foto: Divulgação

Guilherme Kaue Castanheira Alves, conhecido como MC Gui, de 18 anos, foi detido após ser flagrado pela Polícia Militar dirigindo em alta velocidade e sem habilitação na noite desta quarta-feira (12) em São Paulo, segundo informações de um termo circunstanciado registrado pela Polícia Militar no 31º Distrito Policial (Vila Carrão). Ele foi conduzido à delegacia e liberado após o registro da ocorrência.

Segundo o registro, MC Gui estava com uma Land Rover Discovery Preta trafegando em alta velocidade no sentido Centro da Avenida Vereador Abel Ferreira, no Carrão, Zona Leste da capital, por volta das 23h40.

Os policiais deram sinais sonoros e luminosos e pediram para o motorista parar, mas não conseguiram alcançar o veículo. Pelas características do carro, os policiais consideraram que havia perigo de dano.

MC Gui foi localizado quando chegava com o carro em sua casa, na Rua Francisco Ziccardi, no Tatuapé, também na Zona Leste, e levado à delegacia por volta das 3h desta quinta-feira (13).

O carro de MC Gui estava sem licenciamento e também já havia recebido multas de trânsito. Com 18 anos recém completos, MC Gui não tem carteira de habilitação.

O termo circunstanciado afirma que ele foi enquadrado pelos crimes de desobediência e dirigir sem habilitação. A delegacia e o 21º Batalhão da PM confirmaram o registro da ocorrência durante a madrugada.

O assessor de imprensa do cantor informou que o carro pertence à equipe e que o contador está trabalhando na regularização da documentação. Segundo ele, Gui e a equipe estavam voltando para casa após a realização de dois shows na noite de quarta-feira e que o cantor acelerou e passou o sinal, que estava amarelo, porque a região estava escura. Ao chegar em casa, diz a assessoria, o cantor encontrou a viatura da PM lhe esperando.

Questionado sobre se é normal Gui dirigir sem habilitação, o assessor disse que não, mas que não havia conseguido falar com ele até o momento sobre o ocorrido.

 

Veja também