Aguas
tjms
(67) 99826-0686

Temer recebe Rodrigo Maia e ministros no Palácio do Jaburu neste feriado

Na semana que vem, ele fará viagem oficial à Rússia e à Noruega, e Rodrigo Maia assumirá temporariamente a Presidência da República

15 JUN 2017
G1
16h16min
geral-interna1
Victor Hugo - 28 anos

O presidente Michel Temer recebeu na residência oficial do Palácio do Jaburu nesta quinta-feira (15), feriado de Corpus Christi, o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) e os ministros Moreira Franco (Secretaria Geral) e Mendonça Filho (Educação).

Eles chegaram por volta das 12h. O primeiro a deixar o palácio foi Mendonça Filho. Às 14h, saíram Maia e Moreira Franco.

Após o expediente no Palácio do Planalto nesta quarta (14), Temer viajou para São Paulo e voltou na noite do mesmo dia.

Na semana que vem, ele fará viagem oficial à Rússia e à Noruega, e Rodrigo Maia assumirá temporariamente a Presidência da República.

A equipe do presidente se prepara para a provável apresentação ao Supremo Tribunal Federal, na próxima semana, de denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Temer.

A Polícia Federal tem prazo até a próxima segunda (19) para concluir o inquérito autorizado pelo STF para investigar o presidente.

Aberta com base nas delações de executivos da JBS, a investigação sobre Temer apura se o presidente cometeu crimes de obstrução de Justiça, corrupção passiva e participação em organização criminosa. Ele teve uma conversa registrada pelo empresário Joesley Batista com um gravador escondido durante encontro no Palácio do Jaburu na noite de 7 de março.

Para que a eventual denúncia de Janot tenha tramitação no Supremo, é necessária autorização da Câmara dos Deputados. Segundo informou o Blog de Andreia Sadi, Rodrigo Maia quer levar o tema para votação no plenário "o mais rápido possível".

"Não dá para ficar carregando isso para o próximo semestre. Para o Brasil, é importante que o assunto termine logo, não pode ficar 15 dias pendurado no recesso e parando o Brasil". disse Maia ao blog.

Em busca de apoio político, Temer recebeu noite de terça-feira (13) 16 governadores e 4 vice-governadores em um jantar no Palácio do Alvorada. No encontro, discutiu-se a liberação de crédito aos estados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

 

geral-interna2
nando viana

Veja também