re9
lalu kids
(67) 99826-0686

Universidade prorroga até sexta matrículas das especializações para professores da rede estadual

28 NOV 2016
Assessoria
17h55min
Foto: Divulgação

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) prorrogou para sexta-feira (2) o prazo referente às matrículas de professores da rede estadual de ensino que se inscreveram previamente nos cursos de pós-graduação lato sensu (especialização) em seis diferentes áreas, e que seguem descritos abaixo:

1- Educação Científica;

2- Linguística: a ciência da língua;

3- Educação Especial – Deficiência Auditiva/Surdez;

4- Multiletramentos e Processos Autorais na Educação Básica;

5- Currículo e Diversidade: Gênero, Raça e Etnia;

6- Educação Especial Deficiência Intelectual.

As matrículas serão realizadas presencialmente nas respectivas Unidades Universitárias onde os cursos serão ofertados, conforme edital publicado em 18 de novembro no Diário Oficial do Estado (DOE), nas páginas 61 a 65, disponível neste link. Os locais de matrículas seguem dispostos no quadro 1, no final da matéria.

Dos Procedimentos e Documentos para Matrícula

A matrícula será efetuada pelo candidato ou por terceiro portando procuração simples nas Unidades Universitárias da UEMS onde serão oferecidos os cursos, mediante a entrega dos seguintes documentos:

a) requerimento de matrícula devidamente preenchido (Disponível nos endereços eletrônicos dos cursos, conforme quadro 2);
b) cópia do diploma da graduação;
c) cópia do histórico escolar do curso de graduação;
d) cópia da certidão de nascimento ou casamento;
e) cópia do Cadastro de Pessoa Física – CPF;
f) cópia da Carteira de Identidade (RG);
g) cópia do título de eleitor e comprovante de votação na última eleição;
h) Uma foto 3×4 (recente);
i) Termo de Responsabilidade assinado (Disponível nos endereços eletrônicos dos cursos, conforme quadro 2);
j) Currículo Lattes atualizado;
k) comprovante que ateste ser servidor do quadro efetivo da rede estadual de ensino de Mato Grosso do Sul (holerite).

A não-efetivação da matrícula inicial no prazo estipulado implicará na perda do direito à vaga oriunda da classificação no processo seletivo.

 

Veja também