(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

Após lutar contra câncer, jornalista Cadu Bortolot morre na Capital

A doença teve início no intestino e atingiu o fígado do assessor de imprensa

26 OUT 2018
Dany Nascimento
09h03min
Foto: Arquivo pessoal/Facebook

O jornalista Cadu Bortolot faleceu nesta sexta-feira (26), aos 60 anos de idade no hospital da Cassems, em Campo Grande. Cadu lutava contra um câncer que teve início no intestino e afetou o fígado. Conhecido pelo tom de voz suave e comunicativo, Cadu deixa um filho.

Bortolot trabalhou na assessoria de imprensa do Ministério da Previdência em 1988, foi presidente da TV Educativa em Mato Grosso do Sul no ano de 1994, trabalhou como assessor de imprensa da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) em 1995. Cadu também já foi diretor de jornalismo da Rádio FM Cidade 97,9 e assessor de imprensa do senador Delcídio do Amaral.

Ainda não há informações sobre o velório.

Veja também