TJMS
re9
(67) 99826-0686

Dupla é presa em Ponta Porã após tentar executar advogada em Pedro Juan Caballero

Outros três adolescentes foram apreendidos acusados de furtar veículos na fronteira

13 OUT 2016
Thiago de Souza
20h31min
Um dos suspeitos preso por tentar contra advogada

A prisão de Fabio Dias e Félix Falcão e três outros suspeitos, na manhã desta quinta-feira (13), em Ponta Porã levou a Polícia Civil a elucidar diversos crimes na região de fronteira, entre eles a tentativa de execução de uma advogada em Pedro Juan Caballero, na tarde dessa quarta-feira (12). 

Fábio e Félix estavam a bordo de uma motocicleta estrangeira no Bairro Universitário, em Ponta Porã, quando foram presos pela Polícia Militar. Em seguida, agentes da Siato (Setor de Investigação e Apoio Tático Operacional) fizeram um trabalho de inteligência e descobriram que os dois estão envolvidos em roubos de veículos, assaltos, furtos e homicídios na divisa com o Paraguai.

Os suspeitos confessaram ter sido contratados para matar uma advogada, em Pedro Juan Caballero. Carolina Raquel Franco Cantero,25, foi atacada a tiros após marcar encontro por mensagem de celular em uma praça no bairro São Geraldo. Uma dupla em uma moto estrangeira surpreendeu a vítima e disparou cinco vezes contra ela. Porém, a polícia descobriu que Fábio e Félix repassaram o serviço a outros elementos por não terem encontrado a vítima. A profissional percebeu a ação dos pistoleiros e correu, sendo atingida por dois dos tiros. Ela foi encaminhada ao Hospital Regional em Pedro Juan Caballero.  

Em outra atuação do Siato, foi preso um trio de adolescentes suspeitos de roubar veículo em Ponta Porã, Segundo a polícia, este tipo de crime não era percebido há uns sete meses, pois o submundo do crime organizado não tolerava essa prática. Porém, um receptador paraguaio aliciou os menores infratores a praticar os crimes e encomendava caminhonetes de Ponta Porã. Informações dos adolescentes foram repassadas à Polícia Nacional Paraguaia para que o mentor paraguaio seja preso  e responda por formação de quadrilha e crime organizado. 

 

 

 

 

 

 

Veja também