TJMS
re9
(67) 99826-0686

Homem que matou a ex a facadas em Figueirão tem prisão preventiva decretada

Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado (feminicídio) e permanece preso à disposição da Justiça

15 OUT 2016
Redação
08h00min
Foto: Reprodução Facebook

Gean Pereira da Silva, 32 anos, acusado de matar a facadas a ex-mulher Mônica Rodrigues dos Santos, 44 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. O crime ocorreu na tarde da última quarta-feira (12), durante uma festa em uma fazenda de Figueirão.

Segundo informações do site Edição de Notícias, preso pela Polícia Militar ainda no local do crime, o suspeito foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Camapuã, mas não quis falar sobre os motivos que o levaram a esfaquear a ex-mulher.

Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado (feminicídio) e permanece preso à disposição da Justiça.

O crime

Segundo testemunhas, Mônica estava dançando com amigos, quando o ex-marido se sentido enciumado. Eles ainda tiveram uma breve discussão momento em que o homem atacou a ex-mulher com uma faca e foi contido pelos seguranças da festa.

Os golpes atingiram a orelha, o ombro esquerdo, os dedos e o pescoço da vítima. Ela chegou a ser socorrida por populares e levada para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade.

O casal já possuía um histórico de brigas e registros de violência doméstica, dias antes Silva teria até ateado fogo na casa da ex, porém ela preferiu não requer a medida protetiva.

Veja também