zé ramalho
RACIONAIS
(67) 99826-0686

Operação prende onze brasileiros integrantes do PCC na fronteira

Drogas e armas também foram apreendidas

9 AGO 2017
Anna Gomes
09h55min
Foto: Porã News

Onze brasileiros, todos supostos integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital), foram presos pela polícia paraguaia em uma operação que começou na tarde de ontem (8). Eles foram detidos na colônia Lorito Pikada distante cerca de 38 quilômetros da fronteira com Ponta Porã.

A operação começou por volta das 16h de ontem, por agentes da Divisão Anti- Sequestro, do grupo Tático Falcão, com apoio dos agentes da Narcótica da Polícia Nacional do Paraguai. Em uma fazenda chamada 'Cristo Rey', segundo o site Porã News, nove homens e sete mulheres foram detidos. Entre eles, 11 seriam brasileiros integrantes da facção criminosa.

Entre os brasileiros, quatro são foragidos da Justiça do Paraná e estavam traficando no Paraguai. Ainda durante a operação, dois homens ficaram feridos em uma troca de tiros com a polícia.

No local, os policiais apreenderam várias pistolas calibre 9mm, coletes anti -balas, carregadores de pistolas, botas, aparelhos celulares, mira telescópica, rádios de comunicação e drogas, que por determinação do promotor de Justiça Hugo Volpe, foram apreendidos e encaminhados juntamente com os presos para a base da Seção de Investigação de Delitos da Polícia Nacional de Pedro Juan Caballero.

Os nomes dos presos não foram divulgados, apenas dos foragidos da justiça do Paraná, identificados como Adilson Gonçalves de Souza, João César Cabral Santos, Paulo Sérgio Martins e Mayco Souza Moretti.

Veja também