FAPEC
Assembleia a  04 a 18/12
(67) 99826-0686
Gov presente - transparencia

Para despistar polícia, casal age como batedor de droga que seria levada para SP

Um foi preso e uma adolescente de 17 anos foi apreendida

30 NOV 2017
Rodson Willyams
09h29min

Rick Marlon Alves Ribeiro, 20, foi preso e uma adolescente de 17 anos foi apreendida, após casal ser identificado pela polícia de serem batedores de uma carga de maconha que seria levado até São Paulo (SP). O flagrante ocorreu na BR-163, em Dourados, por volta de 18h30 de quarta-feira (29).

Segundo o Dourados News, o homem conduzia um Honda Civic com placas de Antônio João na companhia da menor, de 17 anos, quando ocorreu abordagem da PRF (Polícia Rodoviária Federal). Durante a vistoria ao casal, motorista de um GM Prisma passou e fugiu em alta velocidade.

Desconfiados, os policiais tentaram a abordagem e encontraram o veículo parado e abandonado às margens da rodovia. No interior dele havia 488 tabletes de maconha, totalizando 521 quilos. Também houve a constatação de que o carro era roubado.

Questionado, Rick afirmou ter sido contratado por homem conhecido como ‘Paraná’, para leva-lo como batedor até Campo Grande e de lá, a droga seria transportada para São Paulo. Pela função receberia R$ 3 mil.

Já a adolescente disse ser amiga de infância do rapaz e não sabia da existência do entorpecente.
O motorista acabou autuado por tráfico e corrupção de menor e preso no 1º Distrito Policial, enquanto a jovem responderá pelo tráfico e foi levada à Unei (Unidade Educacional de Internação).

Veja também