TJMS
re9
(67) 99826-0686

PMA autua proprietário de rancho em R$ 20 mil por construção em área protegida

Idoso responderá por crime ambiental com pena de um a três anos de detenção

19 OUT 2016
PMA
14h50min
Foto: PMA

Policiais Militares Ambientais de Dourados, a 229 km de Campo Grande, realizavam fiscalização fluvial pelo rio Dourados na tarde de ontem (18), no município de Fátima do Sul, quando localizaram um rancho em reforma e ampliação da edificação às margens do rio. O proprietário não possuía licença ambiental para a edificação, que se encontrava em área de matas ciliares – Área de Preservação Permanente (APP). A atividade foi embargada.

O responsável, de 72 anos, residente em Fátima do Sul, foi autuado administrativamente por degradação de Área de Preservação em R$ 20.000. Ele responderá por crime ambiental com pena de um a três anos de detenção.

Veja também