informe leilão
(67) 99826-0686

Polícia Civil identifica arrombador de veículos e conclui nove inquéritos

A polícia itensificou investigação após um delegado ter a arma roubada

13 MAI 2017
Rodson Willyams com Nova News
14h13min
Foto: Reprodução / NovaNews

A Polícia Civil concluiu mais oito investigações criminais envolvendo os casos de arrombamentos de veículos ocorridos no município de Nova Andradina. Conforme à polícia, o acusado dos crimes trata-se de um jovem de 20 anos, identificado pelas iniciais E.R.O. e o autor já era conhecido no meio policial como “Paulista”.

Segundo o delegado responsável pela elucidação, André Luiz Novelli Lopes. Paulista foi apontado como responsável por vários furtos qualificados por rompimento de obstáculo, ele agia enquanto os donos de seus veículos se ausentavam, depois de estacioná-los para frequentar cursos na Uniesp e na Cepana. Nove casos teriam sido confessados pelo suspeito.

À polícia, “Paulista” negou ser o autor de outros casos que ocorreu na região e chegou a afirmar que outros indivíduos também se utilizavam dessa prática naquele local e horário. Conforme o site Nova News, dois adolescentes, identificados pela SIG (Seção de Investigações Gerais), foram localizados na sexta-feira (12) e prestaram depoimentos. Eles eram suspeitos da prática de dois dos furtos em comum com “Paulista”, mas negaram a co-autoria com ele.

Os casos em que estariam juntos seria o da subtração da arma de fogo do veículo de um delegado de polícia local, que também estava dentro da faculdade ministrando aulas. Depois de dois dias de investigação, “Paulista” chegou a ser preso em flagrante pela Polícia Civil, mas foi solto e responde o processo em liberdade.

No entanto, ele colaborou com a investigação criminal dos demais casos esclarecidos pela polícia judiciária. Com a elucidação, Polícia Civil espera que a incidência de crimes dessa natureza diminua depois da identificação do acusado, que estará sujeito à responsabilização criminal pelos atos cometidos e que vinham retirando a tranquilidade dos estudantes universitários nos últimos meses na cidade.

Veja também