burguer fest
OUTUBRO ROSA
(67) 99826-0686

SIG estoura 'Boca do Nuno', bandido foge e um acaba preso

O Setor de Investigações Gerais ficou um mês monitorando o local

7 OUT 2017
Da redação / Diário Corumbaense
09h55min

Em mais uma ação visando o combate ao tráfico de drogas na região, equipe do SIG (Setor de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Corumbá, desmantelou outro ponto de venda de drogas em Corumbá. Desta vez, após receberem diversas denúncias sobre a existência de “boca de fumo” no bairro Borrowiski, os policiais monitoraram local conhecido como “Boca do Nuno”, que seria de propriedade de Junior de Jesus Souza, de 30 anos.

Após cerca de um mês de observação, a equipe identificou a rotina de atuação do traficante que para a venda dos entorpecentes, se utilizava de serviços de usuários, conhecidos como “Frentistas ou Ninjas”. A geografia local do “Beco do Borrowiski”, com diversos imóveis abandonados  e terrenos baldios, proporcionava ao traficante esconderijos para as drogas.

A informação que chegou à Polícia Civil era de que “Nuno” havia recebido uma quantidade de entorpecente de uma mulher boliviana e ele estaria preparando as “paradinhas" em um terreno ao lado de sua casa. Em certo momento, após duas horas de monitoramento, ele foi flagrado desenterrando algo envolvido em um plástico amarelo, juntamente com um estojo de cor rosa.

Ao perceber a aproximação dos policiais, ele fugiu, atirando o entorpecente na vegetação. Neste momento, o cunhado do traficante, identificado como Valbert Xavier Vieira, pulou em cima de um dos investigadores e os dois caíram em um local onde havia objetos cortantes que acabaram lesionando as mãos do policial. O agressor também se lesionou na queda, mas mesmo assim continuou segurando o investigador. Outro policial teve que interferir e pelo fato de Valbert estar alterado, segundo o registro policial aparentemente sob efeito de álcool ou drogas, foi necessário o uso de força para imobilizá-lo.

Enquanto era detido, ele desacatou a equipe dizendo: “Enquanto meu cunhado vende paradinhas passam diversas carretas com drogas embaixo das suas caras, seus filhos da*. Você também seu delegado de merda, filho da *, vai prender vereador ladrão, vocês não tem c* para prender políticos”.

Enquanto os policiais precisaram deter Valbert, “Nuno”, principal investigado acabou fugindo. No terreno, foi preso o usuário W. S. A. que estava escondido no terreno com quarenta e nove “paradinhas” de pasta base de cocaína que pesaram aproximadamente 14 gramas; uma porção maior de pasta base que pesou 5,4 gramas; papéis de loteria recortados para o preparo de entorpecente, além de duas peneiras; tesoura, a quantia de R$ 126 em dinheiro trocado; uma bicicleta de procedência duvidosa; uma chave de veículo da marca JAC. Todo o material, inclusive os entorpecentes que “Nuno” jogou na vegetação, foram levados para a delegacia de Polícia Civil. O usuário que estava no terreno, o cunhado de “Nuno” e o policial agredido foram submetidos a exame de corpo de delito. Os dois envolvidos foram encaminhados para o Distrito Policial.

A Polícia Civil segue procurando “Nuno”. Quem tiver informações que possam levar à captura do criminoso pode entrar em contato com o SIG pelo telefone WhatsApp: (67) 9 9272-6380 ou pelo e-mail sigcorumba@gmail.com.

Veja também