Corrida Cassems
(67) 99826-0686

Único preso por megarroubo a Casas Bahia pode ter assaltado Magazine Luiza

Ele é suspeito de ter feito reféns em ação criminosa que ocorreu em 10 de junho

13 JUL 2017
Thiago de Souza com JP News
19h04min
Wedio pode ter roubado Magazine Luiza em Três Lagoas Foto: Polícia Civil JP News

Wedio Francisco Mendes Leite, 39, preso na terça-feira (11) após assalto a Casas Bahia, em Três Lagoas, pode estar envolvido em outra ação criminosa que ganhou repercussão na cidade. Ele foi reconhecido por vítimas por ter invadido a loja de departamentos Magazine Luiza, também localizada no Centro da cidade, em 10 de junho. O suspeito foi até o departamento financeiro e fez uma funcionária refém.

Ele estava armado e amordaçou a vítima, exigindo que ela entregasse todo o dinheiro. O crime ocorreu em plena manhã, quando o comércio estava movimentado de clientes. Wedio conseguiu levar mais de R$ 30 mil e ao sair trancou a funcionária dentro da sala. Ele usava boné e deixou a loja sem levantar suspeita. Até mesmo o circuito interno de segurança do estabelecimento não conseguiu registrar imagens da ação e do rosto do suspeito. Um comparsa aguardava do lado de fora e os dois fugiram em uma moto.

O suposto envolvimento de Wedio Francisco no assalto foi descoberto pelo Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil em conjunto com o Setor de Inteligência da Polícia Militar. Algumas pessoas já prestaram depoimento sobre o roubo na loja Magazine Luiza. Outras testemunhas ainda devem ser ouvidas pelo delegado titular do SIG, Ailton Pereira.

Entenda o caso

Wedio é o único suspeito preso após o assalto na loja Casas Bahia. Por volta das 18h de terça, três pessoas, sendo uma mulher, entraram no estabelecimento e se passaram por clientes. Dois comparsas teriam ficado do lado de fora dando cobertura. Como estava encerrando o expediente, funcionários fecharam as portas da loja, ocasião em que os ladrões anunciaram o assalto. Eles renderam funcionários e duas clientes. As vítimas foram amarradas enquanto os assaltantes retiraram os produtos.

Depois da ação criminosa, os bandidos fugiram. Houve perseguição e confronto com os policiais. Quatro ladrões conseguiram fugir pela mata e apenas um foi capturado, quando chegava na cidade de Pereira Barreto, interior paulista. Cerca de R$ 1 milhão em produtos, como smartphones, tabletes, computadores foram levados no local. Webio conduzia um veículo Doblô que transportava todos os objetos roubados. Os outros integrantes da quadrilha já foram identificados pela Polícia Civil.

 

 

Veja também