Corrida Cassems
(67) 99826-0686

Na Lata: suspeito de apropriar lâmina de cheque de empresa é nomeado na prefeitura

6 MAR 2017
Capitu
09h45min

Suspeito de apropriar de uma lâmina de cheque de uma empresa em Guia Lopes da Laguna, Clayton Bernardino Gordo de Oliveira foi nomeado Assessor Governamental I, símbolo DCA-5, na Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais. O decreto PE” n. 838 foi publicado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta quinta-feira (2).

O servidor comissionado é alvo de ação penal por supostamente desviar cheque R$ 1.250,00 da empresa em que trabalhava como gerente financeiro em 2008. De acordo com a investigação criminal, ele recebeu R$ 2,5 mil em duas lâminas de cheque para repassar ao empreendimento, mas apenas uma das folhas chegou até o dono. Porém, em contato com o TopMídiaNews, Clayton nega as denúncias, e afirma inclusive que a própria acusadora apresentou a tal lâmina de cheque.

O caso está em tramitação na 1ª Vara da Comarca de Jardim. Na prefeitura, ele receberá remuneração de R$ 1.741,61, com gratificação de 80% sobre o valor, podendo receber até R$ 3,1 mil mensais. Assinam a nomeação o prefeito Marquinhos Trad (PSD) e a secretária municipal de Gestão, Maria das Graças Macedo.

Na Lata: confusão no Carnaval pode ter sido 'plantada' para tirar Carnaval da Esplanada

3 MAR 2017
O Analista
14h10min

A “confusão” criada no final da terça-feira de Carnaval teria sido uma situação plantada por representantes do poder executivo municipal, como desculpa para se retirar o Carnaval da Esplanada ferroviária, segundo confidenciaram ao Na Lata.

O carro de som que foi pivô da ação que culminou no lançamento de bombas de gás lacrimogênio contra a população, teria sido plantado de forma proposital para causar tumulto na região e forçar a intervenção policial.

Durante a ação do Batalhão de Choque, também foram avistados servidores comissionados da prefeitura “fiscalizando” a equipe, enquanto pessoas corriam assustadas.

Durante os dias de Carnaval, representantes do Poder Executivo insistiam para que o Carnaval fosse retirado da região da Esplanada Ferroviária. Diante da negativa, resolveram criar uma “bagunça” no último dia para criar motivos para a mudança.

Na Lata: marijuana rola solta em pleno sexto andar de repartição pública

22 FEV 2017
Queen Seixas
08h15min

Dizem que uma câmera teleobjetiva pegaria certinho, de "ponta a ponta", o bem "bolado" que anda rolando em prédio público da Capital. O local preferido seria o sexto andar, onde até delivery acontece para, como diria Marcelo D2, queimarem tudo até a última ponta. Como a vista é ótima, virada para o pôr do sol, quem foi visto usando o material é conhecido ex-assessor de vereadora derrotada nas eleições municipais, Luiza Ribeiro. Ele, aliás, é figurinha carimbada da polícia que é conhecido no meio como grande defensor da liberdade de fazer fumaça... Bom esclarecer que servidores que atuam no local reprovam a ação do dito rapaz.

Na Lata: Deputados pedem para enviarem vídeo bomba pelo WhatsApp

21 FEV 2017
O Analista
16h30min

Na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, os deputados estaduais foram econômicos ao falarem da crise política na administração estadual, envolvendo o secretário Sérgio de Paula.

Os parlamentares afirmam que não tiveram acesso ao suposto vídeo bomba do chefe da Casa Civil, Sérgio de Paula, mas que só ouvem falar. “Aquilo que eu não vi, não posso falar sobre” argumentou um deputado da base.

Um dos deputados perguntou aos jornalistas se tinham uma cópia do vídeo. “Me manda no WhatsApp”, brincou parlamentar.

Até a saída de Sérgio do governo é vista com certo ceticismo entre a base aliada de Azambuja. “Mas quem disse que Sérgio vai sair? Primeiro ele tem que sair para podermos dizer”, afirmaram.

Na lata: Alvo do Gaeco, ex-prefeito suspeito de atrapalhar investigações mantém cargo no MPE

20 FEV 2017
Rose Everdeen
14h00min

Alvo do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) na Operação Layout, o ex-prefeito de Itaporã, Wallas Gonçalves Milfont (PDT), segue tranquilamente como servidor de carreira do Ministério Público Estadual. Seria mais um caso de lobo cuidando das ovelhas?

Conforme o diário oficial do órgão, publicado nesta segunda-feira (20), ele ocupa o cargo efetivo de Técnico I, símbolo MPTE-201, na área de atividade Administrativa, do Quadro de Servidores do Ministério Público Estadual. O documento informa ainda que ele acaba de ser transferido, por interesse da instituição, para a comarca de Dourados.

Em abril de 2016, Milfont chegou a ser afastado temporariamente do cargo de prefeito e teve os bens bloqueados por tentar atrapalhar as investigações. De acordo com o MPE, ele é suspeito de direcionar uma licitação realizada em novembro de 2014 para a contratação de uma agência de publicidade.

Na lata: Azambuja chama de 'especulação', mas afirma que secretário pode assumir cargo no PSDB

20 FEV 2017
O Analista
11h50min

Apesar de negar a saída do secretário Sérgio de Paula e classificar como “especulação”, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou que caso De Paula saia terá uma função dentro da articulação política no PSDB.

“Se ele sair do governo, com certeza terá uma outra função dentro da estrutura política que nós pretendemos ter dentro do nossos partido que ele possa gerenciar. Mas por enquanto é especulação”, disse Azambuja durante a apresentação a reforma administrativa nesta segunda-feira, 20 de fevereiro.

A declaração já é um prenúncio da saída do braço direito do governador Reinaldo Azambuja da estrutura na administração estadual, em meio a crise política que tomou conta do poder executivo nos últimos dias. Sempre ao lado de Azambuja, Sérgio não estava presente durante o anúncio da reforma.

Na Lata: Reinaldo corta promoção que deputado tucano recebeu ‘por engano’

17 FEV 2017
Diana Christie
17h12min

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) publicou, nesta sexta-feira (17), decreto que revoga promoção funcional concedida ao deputado federal Geraldo Resende (PSDB) em 2012.

Geraldo havia sido promovido da classe D para a classe E no cargo de Especialista de Serviços de Saúde, função Médico – 40 horas, lotado na Secretaria de Estado de Saúde. Segundo Reinaldo, o decreto perdeu parte do efeito por “ter sido publicado indevidamente”.

O deputado federal explica que a promoção irregular ocorreu por conta de um erro da Secretaria de Estado de Administração e destaca que nunca recebeu salários a mais por causa do ‘problema’, pois estava afastado do cargo de servidor público para exercer o mandato parlamentar.

“Eles detectaram isso agora, foi um erro deles mesmo, da SAD. Tem que perguntar para o secretário, pois parece que publicaram duas vezes a mesma promoção. Eu estou pedindo para verificarem porque estou em processo de aposentadoria. Houve o erro em 2012 e eles têm que sanar para o processo tramitar regularmente”, ressalta.

Na época da promoção, Geraldo Resende era deputado federal pelo PMDB. O parlamentar deixou o partido no início de 2016, após convites de Reinaldo Azambuja e do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Já no ninho tucano, ele disputou a prefeitura de Dourados sendo derrotado pela então candidata Délia Razuk com diferença de 3 mil votos.

Na lata: secretária não dá conta do recado e fica com a faca no pescoço

16 FEV 2017
Rose Everdeen
11h30min

Outra secretária do governo Reinaldo Azambuja anda com a faca no pescoço. Subordinados de vários municípios garantem: vai rodar até a metade do ano. A pasta, importante para manter o bom nome da gestão, é a Educação e a chefia não está dando conta do recado.

Para economizar, administradora está colocando mais de 40 alunos em salas de aula que não cabem nem 30 e cortando até o dinheiro da merenda escolar. Uniformes e kits que deveriam ter sido entregues durante as férias se perderam pelo caminho e a justificativa é até da falta de gasolina para o transporte.

Isso sem falar nos professores que precisam ser realocados com o fechamento de salas de aula e ninguém tem horário ainda definido. O transtorno é tão grande que pais e educadores até organizam protestos pelo interior do Estado. É a treva e quem sofre são os profissionais e estudantes!