(67) 99826-0686
Camara municipal

Governo de MS abre mais de mil vagas para promoção dos servidores das carreiras da PC

Para investigadores e escrivães da Polícia Civil o percentual de promoções é de 80% das vagas pelo critério de antiguidade e 20% por merecimento

19 NOV 2018
Da redação / Governo MS
18h16min
Foto: Divulgação / Governo MS

A Polícia Civil publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira (19) o quadro de vagas para promoção dos servidores que compõem a instituição. Ao todo existem 1182 vagas para promoção, entre elas de antiguidade e merecimento das carreiras de escrivão, investigador, perito criminal e papiloscopista, agente de polícia científica, médico legista e delegado.

Este ano as promoções ainda seguem os moldes anteriormente estabelecidos, sendo que, para investigadores e escrivães da Polícia Civil o percentual de promoções é de 80% das vagas pelo critério de antiguidade e 20% por merecimento.

Ainda foi divulgado na edição de hoje o cronograma dos trabalhos do Conselho Superior de Polícia Civil (CSPC), relativos ao processo de promoção, sendo que o prazo para inscrição dos interessados será de 19 a 22 de novembro.

Para se inscrever os candidatos deverão entregar o requerimento original, devidamente assinado com caneta esferográfica azul ou preta, das 8h às 12h e das 14h às 17h, que deverá ser dirigido ao presidente da Comissão Permanente de Avaliação da respectiva carreira, com envio à Coordenadoria de Administração do CSPC, que fica localizada no Plenário do Conselho Superior da Polícia Civil, no prédio sede da Delegacia-Geral da Polícia Civil, com os seguintes documentos:

I – Declaração de ausência de condenação criminal transitada em julgado;

II – Declaração de aceitação de novas atribuições inerentes à nova classe funcional;

III – Cópia do Certificado ou Declaração do curso específico na Academia de Polícia Civil/MS, válido para promoção que habilita o candidato a concorrer à nova classe.

O DOE também traz a informação que novas vagas poderão ser acrescidas, caso ocorra aposentadoria ou qualquer forma de vacância até a data anterior à reunião do Conselho Superior da Polícia Civil.

Veja também