conadhe
tjms
(67) 99826-0686

Agente penitenciário federal que matou pedreiro em show ganha liberdade

Ele passará o feriado em casa, a vítima no cemitério e a família chorando

10 OUT 2017
Liziane Berrocal
13h43min
policia-interna1
99

O agente penitenciário federal Joseilton de Souza Cardoso deverá passar o feriado em casa. Ele é acusado de matar o auxiliar de serviços gerais Adilson Ferreira dos Santos com um tiro.

A vítima de 22 anos, que trabalhava como pedreiro, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, passou por tentativa de reanimação, mas morreu próximo a escada de acesso ao camarote do show. Joseilton foi preso em flagrante. Os dois estavam em um show da dupla Henrique e Juliano, que ocorria no estacionamento do Shopping Bosque dos Ipês, na saída para Cuiabá.

O caso foi assumido pelos advogados Ed Carlos da Rosa e José Roberto da Rosa, que sustentaram a tese da legítima defesa, já que o agente penitenciário teria apanhando de Adilson e por isso teria reagido a tiros.

Segundo a defesa, ele ficou preso na sede do Garras (Grupo de Atuação e Repressão a Assaltos e Sequestros) e o alvará foi expedido nesta terça-feira (10). 

policia-interna2
nando viana

Veja também