Corrida Cassems
studio center
(67) 99826-0686

Após perseguição cinematográfica, PRF apreende cocaína avaliada em R$ 189 mil

Traficante fugiu, mas deixou todos os documentos no veículo

12 JAN 2017
Diana Christie
08h45min
Foto: PRF
policia-interna1
semana do transito

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu 6,2 quilos de cocaína por volta das 5h desta quinta-feira (11), durante uma ronda pela estrada vicinal que desvia da Unidade Operacional da PRF no km 141, da BR-262, em Água Clara. A droga estava em um veículo Fiat/Strada Working, placas de Vacaria/RS.

Segundo a PRF, os policiais deram sinal de parada para o motorista, mas ele não a obedeceu e saiu em alta velocidade sentido à BR-262. A caminhonete entrou na rodovia e seguiu pela MS-377. Os policiais realizaram o acompanhamento tático do veículo em fuga por cerca de 20 quilômetros, momento em que o carro do autor começou a emitir fumaça preta. A caminhonete parou completamente e o motorista fugiu mato a dentro, não conseguindo a equipe capturá-lo, apesar da realização de buscas no local.

Durante todo o acompanhamento a equipe sinalizou para o veículo parar, mas o condutor manteve a alta velocidade, dirigiu pela contramão de direção, aproximou-se dos veículos de terceiros correndo o risco de provocar um acidente. A conduta do motorista em fuga colocou em risco a segurança da equipe e dos usuários da via, vez que ele lançava a sua caminhonete contra os veículos que transitavam na pista.

Após a fuga, foi efetuada vistoria no veículo e localizado em sua caçamba seis tabletes de substância com características da droga conhecida como cloridrato de cocaína ou cocaína com alto grau de pureza. Após a pesagem, o entorpecente totalizou 6,3 kg que tem o valor estimado em São Paulo de R$189 mil.

No interior da caminhonete foram encontrados ainda diversos documentos do condutor, entre eles CNH, RG, Título de Eleitor, Cartão SUS, CPF, Cartão Bancário e CRLV do veículo. A autoridade policial deverá requerer a prisão preventiva do motorista foragido que, quando capturado, além de responder pelo crime de desobediência e pela contravenção penal de direção perigosa, responderá também por tráfico de drogas, delito cuja pena prevista é de reclusão de 5 a 15 anos.

Veja também