(67) 99826-0686

Confusão em festa termina com tiro de borracha e cinco detidos

Som alto teria sido o motivo do quebra-quebra

10 NOV 2017
Anna Gomes
08h16min

Uma confusão que começou devido ao som alto de uma festa terminou com pancadaria, tiro de borracha e cinco detidos na noite desta quinta-feira (9), no Bairro Piracema, em Coxim, município distante aproximadamente 250 quilômetros de Campo Grande.

Segundo a Polícia Militar, os policiais foram ao local pedir para que o som fosse abaixado, pois moradores da redondeza haviam registrado reclamações. Conforme o site Edição de Notícias, logo que chegaram ao endereço, os policiais perceberam que acontecia uma festa, regada a bebida alcoólica. A dona da casa onde acontecia a confraternização teria avisado a equipe que não mexeria no volume do som e foi advertida sobre a possibilidade de apreensão do aparelho.

Além da proprietária da casa, identificada como Dagma Rocha da Silva, de 31 anos, também foram detidos Embreson Rocha Pinto, o Piroco, de 24 anos, Júlio Barbosa Ferreira, o Fi Grande, de 35 anos, Josimarcio Rocha da Silva, o Tuta, de 28 anos, e uma adolescente de 13 anos.

Ao anunciar o recolhimento do som, os participantes da confraternização teriam partido para cima dos policiais, sendo que um dos militares teve de disparar um tiro de borracha para acabar com a confusão. O tiro acertou o joelho de Piroco, que também estaria desacatando a equipe, xingando os militares de porcaria e afirmando que eles não entrariam na casa. Diante da aglomeração de pessoas, a equipe de polícia pediu reforço e encaminhou as cinco pessoas para a delegacia da cidade.

O Corpo de Bombeiros esteve na residência para socorrer o homem atingido pelo tiro de borracha.

Veja também