re9
lalu kids
(67) 99826-0686

Presos bandidos que apontaram arma para cabeça de criança durante assalto

Ambos cumpriam pena no regime semiaberto por roubo

1 DEZ 2016
Kerolyn Araújo
17h16min
Foto: Kerolyn Araújo

Lusiano de Souza da Costa, 21 anos, e João Vitor Morais Santos, 18 anos, que cumpriam pena no regime semiaberto, foram presos após serem identificados como autores de dois roubos. Em um deles, duas crianças foram feitas reféns.

De acordo com o delegado Carlos Delano, da Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos (Derf), o primeiro roubo ocorreu na manhã do dia 11 de outubro, quando a dupla abordou um homem e uma mulher que deixavam uma residência no bairro Santo Antônio. Entre as vítimas, estavam duas crianças, de sete e oito anos.

As vítimas foram trancadas no banheiro e, em determinado momento, os bandidos chegaram a apontar a arma para cabeça da criança mais velha. Eles roubaram televisores, aparelhos de celular, joias, dinheiro, além do carro de uma das vítimas, um Fiat Uno.

No mesmo dia, Lusiano e João Vitor roubaram uma farmácia no bairro Nova Lima, de onde levaram aproximadamente R$ 2,5 mil. O veículo da vítima foi incendiado e abandonado na região do Hospital São Julião. Após investigações, os autores foram presos.

Conforme o delegado, o corte de cabelo de um dos bandidos ajudou na identificação. "Uma das vítimas reparou no desenho do cabelo do suspeito e começamos a investigar. Quando foram presos, também localizamos um dos celulares roubados, onde haviam fotos dos dois com objetos roubados das vítimas", detalhou.

Lusiano possui passagens por roubo, posse ilegal de arma de fogo, resistência e desobediência. Um dia antes do crime, o autor foi condenado a seis anos de prisão por um roubo. João Vitor tem passagem pelo mesmo crime da condenação de Lusiano, além de portar drogas.

Veja também