Chapadão do Sul
tjms
(67) 99826-0686

PRF recupera três veículos com registro de roubo ou furto em MS

Veículos estavam emplacados como sendo de diversos estados diferentes

13 OUT 2017
PRF
14h21min
Foto: PRF/MS

Na tarde desta quinta-feira (11), no km 121 da BR-163, a Polícia Rodoviária Federal (PRF), apreendeu um veículo roubado no Estado do Paraná. O motorista, de 38 anos, foi preso em flagrante, poderá responder pelos crimes de adulteração de sinal identificador de veículo automotor, e recuperação de veículo.

Os policiais rodoviários federais abordaram o caminhão baú Scania/P340 com placas aparentes de Curitiba, Paraná, atrelado ao semirreboque Randon Cfcs com placas aparentes de São José dos Pinhais, também do estado paranaense.

A equipe constatou que os veículos tinham sinais de adulteração, onde tratava-se do caminhão Scania com placas originais de Itajaí, Santa Catarina, e o semirreboque Rodovia Cfcs, com placas originais também, de Itajaí/SC. Ambos com registro de roubo/furto no dia 17/07/2017, na cidade de São José dos Pinhais (PR).

O condutor declarou ter pego os veículos em Ponta Grossa (PR), e levaria até Eldorado. O motorista, juntamente com o caminhão, foram encaminhados para Polícia Federal de Naviraí.

Na noite de quinta-feira (11), no km 215 da BR- 060 a Polícia Rodoviária Federal (PRF), abordou o automóvel Peugeot/208 com placas aparentes de Brasília, no Distrito Federal, conduzido por um homem, de 25 anos. Foi constatado que o carro tinha sinais de adulteração, placas originais de Goiânia, Goiás, com registro de roubo/furto.  

A equipe encontrou um celular que possivelmente era utilizado pelos batedores para avisar de possíveis fiscalizações policiais ao longo do trajeto, e a quantia de R$ 482. O motorista e o veículo foram encaminhados a Polícia Civil de Camapuã. 

Na manhã desta quinta-feira (12), no km 130 da BR-163 os policiais rodoviários federais abordaram o veículo Volvo FH com placas aparentes de Curitiba/PR, atrelado aos semirreboques com placas aparentes Maringá, Paraná. A carteira de habilitação e a documentação dos veículos, apresentados pelo motorista, de 27 anos, eram falsas.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), constatou que o caminhão graneleiro possuía sinais de adulteração, placas originais de Caibaté, Rio Grande do Sul, onde apresentava restrição judicial para transitar. Os semirreboques também foram constatados com sinais de adulteração, porém, não foi possível levantar os veículos originais. 

O condutor declarou estaria indo para Amambaí, e lá carregaria uma carga de cigarros paraguaios. No interior do caminhão foram localizados a quantia de R$ 1.540, dois celulares e um rádio telecomunicador.

 O condutor, veículos, documentos e celulares foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal de Naviraí.

Veja também