bortollos
lalu kids
(67) 99826-0686

Renê Siufi assume caso e diz que PRF que matou empresário não está sendo beneficiado

Advogado afirma que tomará conhecimento do inquérito na segunda-feira

7 JAN 2017
Kerolyn Araújo
09h30min
Foto: Arquivo/Geovanni Gomes

O advogado Renê Siufi assumiu a defesa do policial rodoviário federal Ricardo Hyun Su Moon, 46 anos, que matou no dia 31 de dezembro o empresário Adriano Correia do Nascimento, 33 anos, durante uma briga de trânsito na Avenida Ernesto Geisel.

De acordo com o advogado, ele encontrou o autor do crime ontem (7), e disse que o cliente não está sendo beneficiado por ser policial. "Estive com ele ontem e, pelo o que senti, não há nada de benefício como estão falando", contou.

Ao TopMídiaNews, Siufi informou que ainda não traçou uma linha de defesa, já que só tomará conhecimento do inquérito na segunda-feira (09). 

Prisão

Após ser solto pela Justiça no dia 1° de janeiro, um dia após o crime, Ricardo voltou a ser preso na quinta-feira (06), por determinação do juiz de   Direito José de Andrade Neto, que acatou o pedido de prisão preventiva feito pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul. 

O policial foi encaminhado ao Garras (Delegacia  Especializada de Repressão a Roubo a Banco e  Resgate a Assaltos e Sequestros), onde permanece preso.

 

Veja também