TJMS
re9
(67) 99826-0686

Suspeito de matar ex-esposa e enteada é encontrado morto em oficina mecânica

Agenor teria matado a ex-esposa e a enteada no início na noite de ontem (15)

16 OUT 2016
Kerolyn Araújo e Dany Nascimento
16h55min
Foto: Geovanni Gomes

Agenor Magalhães de Oliveira, 53 anos, suspeito de matar a facadas a ex-mulher Maria das Dores, 50 anos, e a enteada Dayane July da Silva,  29 anos, na noite de ontem (15) no bairro Moreninha II, foi encontrado morto na tarde deste domingo (16).

Conforme informações apuradas pelo TopMídiaNews, o corpo de Agenor foi encontrado pendurado em uma corda na oficina mecânica onde o suspeito trabalhava, na rua Fraiburgo, em frente a um posto de gasolina na Moreninha. O corpo foi localizado por Carlos Anselmo Nunes, 60 anos, que vende garapa ao lado do estabelecimento.

"Eu fui perto do trator e quando olhei para trás, vi ele pendurado na corda. Foi uma tragédia, ele era um excelente funcionário", diz Carlos.

Segundo informações de José Vardo Brandão, 62 anos, dono da oficina, Agenor trabalhava no local há 14 anos e era um bom funcionário, porém bebia muito e vivia uma relação conturbada com a ex-esposa. "Depois que ele cometeu os crimes, comecei a andar com uma barra de ferro na oficina. Não da para saber o que se passava pela cabeça dele. Era um ótimo funcionário, mas quando bebia ficava agressivo", contou.

Ainda conforme José, ele ficou na oficina até às 13h deste domingo e o funcionário não teria ido até o local. "Acredito que ele esperou eu sair para entrar. A briga entre eles era porque Agenor queria metade da casa onde conviveu com a ex-mulher", detalhou. 

 

Veja também