(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

CPI presidida por Edil já realiza reunião amanhã

CPI

15 OUT 2013
Juliene Katayama e Carlos Guessy
12h45min
A aprovação da Comissão Processante é a maior derrota política de Bernal. Foto: Geovanni Gomes

Mesmo com as supostas manobras que lotaram o plenário da Câmara Municipal de Campo Grande nas últimas sessões, os vereadores acabaram de aprovar com 21 votos a favor e 8 contra, a abertura da Comissão Processante contra o prefeito Alcides Bernal (PP) nesta terça-feira (15).

Para presidente da comissão processante foi escolhido o vereador Edil Albuquerque (PMDB). O vereador Flávio César (PT do B), será o relator. Os vereadores João Rocha (PSDB), Chocolate (PP) e Cazuza (PP) renunciaram . A escolha foi feita por sorteio de proporcionalidade baseada em uma decisão do Tribunal de Justiça, referendado pelo Supremo Tribunal de Justiça.

Contra o pedido da instalação da CPI, votaram Zeca do PT, Alex do PT, Airton Araujo (PT), Cazuza (PP), João Rocha (PSDB), Luisa Ribeiro (PPS), Carlão (PSB) e Gilmar Neri (PRB). A base confiava que tinha 14 a 15 votos, mas foi surpreendida com os votos de Chocolate, Rose Modesto e Eng° Edson.

A primeira reunião para dar início aos trabalhos da Comissão Processante que vai investigar o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, já foi marcada para às 10h desta quarta-feira (16).

Veja também