Doe Sangue
(67) 99826-0686
Hepatite - Agosto

Deputados lamentam morte do ex-governador Wilson Barbosa Martins

Os parlamentares destacam que Wilson foi fundamental no desenvolvimento do Estado

13 FEV 2018
Dany Nascimento
09h28min
Foto: Arquivo/TopMídiaNews

O falecimento do ex-governador Wilson Barbosa Martins, confirmado na manhã desta terça-feira (13), pegou muitos deputados de Mato Grosso do Sul de surpresa. Os parlamentares lamentam a perda e destacam a importância de Wilson no desenvolvimento do Estado.

Para o presidente da ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul), deputado estadual Junior Mochi (MDB), o ex-governador foi um exemplo de administrador. “Ele é referência para todo o Estado pelos feitos como homem público, pela postura ética, se tornou um exemplo para Mato Grosso do Sul”.

Mochi afirmou ao TopMídiaNews que está em Coxim, mas pretende deixar o município ainda nesta manhã para abraçar a família do ex-governador. Assim como Mochi, o deputado estadual Eduardo Rocha (MDB), que também está no interior, confirmou que volta para a Capital para dar o último adeus ao ex-governador.

“Eu fiquei sabendo agora, é uma notícia muito triste. O doutor Wilson representa uma força muito grande na luta para a redemocratização, ele lutou pela liberdade, foi contra a ditadura, deixou um legado de obras para nosso Estado, deixou muita coisa boa que deve ser seguida”, disse o medebista.

A deputada Mara Caseiro (PSDB) também se surpreendeu com a notícia de falecimento e diz que sempre vai lembrar sempre da pessoa simples e acolhedora que foi Wilson Barbosa Martins. “Ele foi uma pessoa de extrema importância, ajudou na construção do Estado, deixou um legado como administrador, legado de trabalhador, tinha uma visão política diferenciada”.

Caseiro relembra que conversou pela primeira vez com Wilson quando ainda ocupava o cargo de vereadora. “Eu lembro que fui conversar com ele quando era vereadora e fui muito bem acolhida, conheci a pessoa simples, querida e acolhedora que ele era”.

O membro do PSC (Partido Social Cristão), ex-deputado estadual Coronel David disse que guarda recordações de Wilson de quando ainda era criança, já que o ex-governador trabalhou com o pai do parlamentar.

“Ele trabalhou com meu pai na casa militar, sempre que me via, quando eu ainda era moleque, brincava comigo, ele me impressionou porque um homem com tanto poder, ainda tinha aquele jeito acolhedor, brincalhão, dava atenção para coisas simples. É um fato muito triste, ele foi um grande estadista, nunca ouvi dizer que depois de uma eleição ele deixou de atender alguém por qualquer motivo, ele ajudava todas as pessoas, quem era e quem não era de seu partido. Mais tarde eu vou até o velório para dar um abraço nos familiares”, conta Davi.

O petista João Grandão destaca que, mesmo com divergências políticas, reconhece a importância que o ex-governador teve na política de MS. “Ele foi uma referência política, tivemos divergências partidárias, mas sempre foi uma pessoa coerente e respeitosa no meio político. Tenho muito respeito pela pessoa, falo como cidadão porque vejo que ele contribuiu muito para o Estado”.

João está em Dourados e disse que não terá como participar da despedida de Wilson.

Veja também