informe leilão
dr. hernia
(67) 99826-0686

Em enquete, Pedro Chaves e Odilon de Oliveira são favoritos para representar MS no Senado

Leitores opinaram, entre dez políticos, em quem votariam para ocupar vagas em Brasília no próximo mandato

13 FEV 2017
Amanda Amaral
17h27min
Foto: Senado - Geovanni Gomes/Arquivo TopMídiaNews

A enquete da semana proposta pelo TopMídiaNews perguntava aos leitores quem gostariam de ver ocupando os cargos no Senado Federal a partir de 2019, representando Mato Grosso do Sul durante, ao menos, oito anos. Entre as dez diferentes opções sugeridas como resposta, o já senador Pedro Chaves (PSC) ocupou o primeiro lugar, com 20% dos votos.

Em segundo lugar, com 18%, ficou o juiz federal Odilon de Oliveira, conhecido por atuar no combate ao tráfico na fronteira. Em terceiro, o ex-prefeito de Campo Grande e ex-governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), com 16% dos votos.

Os assentos ocupados por sul-mato-grossenses no Plenário em Brasília são de Simone Tebet (PMDB) e Waldemir Moka (PMDB), além de Chaves. Os dois últimos terminam mandato em 2019, enquanto Tebet segue até 2023.

O senado brasileiro é composto por 81 representantes, sendo três de cada Estado do Brasil, inclusive do Distrito Federal. A cada quatro anos, são elegidos alternativamente um ou dois senadores por estado com mandato tem duração de oito anos, não havendo limite para a reeleição.

Senadores possuem funções legislativas de caráter mais geral que são compartilhadas com a Câmara dos Deputados e outras de exclusiva competência, entre as principais, processar e julgar a Presidência da República e ministros e autorizar operações externas de natureza financeira.

Abaixo, o restante dos políticos em ordem da colocação final na enquete:

11% - Zeca do PT

10% - Fábio Trad

7% - Ricardo Ayache

7% - Waldemir Moka

6% - Nelson Trad Filho

4% - Rose Modesto

2% - Eduardo Riedel

Veja também