TJMS CIJUS
vivi
(67) 99826-0686

Vereador denuncia farra no pagamento de salários de servidores em cidade de MS

Novato na Câmara, Juliano Ferro fala em farra nos pagamentos e servidora chegou a receber R$ 51 mil no mês

12 FEV 2017
Rodson Willyams
13h30min
Vereador Juliano Ferro Foto: Reprodução/Facebook

O vereador Juliano Barros Donato, conhecido no município de Ivinhema como Juliano Ferro, de 34 anos, eleito em 2016, denuncia esquema de superfaturamento no pagamento de salários de servidores municipais da prefeitura. Segundo o parlamentar, uma servidora chegou a receber até R$ 51 mil em salários.

Ferro gravou um vídeo, em que aparece relatando o caso e afirmando que denunciou o fato no Ministério Público Estadual. A irregularidade estaria na administração do prefeito reeleito da cidade, Éder Uilson França Lima, conhecido na cidade como Tuta, do PSDB.

Na gravação, publicada na página 'Em Pauta', no Facebook, o político afirma que a servidora identificada como Iraci Terezinha Militão, recebe um salário de R$ 4.675,00, valor recebido inclusive, em janeiro de 2017. Porém, Juliano explica que ao analisar a folha de pagamento da servidora teria recebido R$ 436 mil, ao todo em 2016. 

"Em dezembro de 2016, recebeu R$ 4,6; novembro R$ 4,6. Outubro, R$ 48 mil, setembro, R$ 51 mil; agosto, R$ 48 mil, julho, R$ 46 mil; junho R$ 44 mil, maio, R$ 41 mil; maio, R$ 39 mil, 36 e 34 mil", relata o vereador na gravação.

Juliano Ferro ainda afirma, que em 2015, a farra no pagamento desta servidora chegou a totalizar R$ 237 mil. "O salário sobe todo mês. Este documento está no portal da transparência e não é fraude", garante.

Veja o vídeo: 


Documento apresentado pelo parlamentar. 

O parlamentar diz ainda que tomou conhecimento de outro caso semelhante, de uma auxiliar de enfermagem, identificada por ele, como Alessandra Delgrando da Silva. A servidora receberia o pagamento de R$ 2.439,00. "Mas tem mês que teve [pagamento de] R$ 4, 5, 7, 8, 9, 9 mil, em 2015. Em 2016, foi R$ 10 mil, depois R$ 11 mil. Outubro R$ 18 mil, dezembro R$ 19 mil".

No mesmo período, o vereador afirmou que chegou comparar o salário de outra servidora que exerce a mesma função, e mesma recebeu R$ 2.8 mil pelo mesmo período. "Como pode o salário de servidor público subir tanto"?, questiona.

Ao final da gravação, Juliano Ferro ainda questiona os antigos vereadores de não terem tomado conhecimento do caso. "Aos vereadores que saíram, vocês nunca viram isso? Teve que chegar um novato para desmascarar esse plano diabólico"!, finaliza.

Eleições 2016 - O município de Ivinhema fica a 282 km de Campo Grande, a população estimada chega a 22.975, conforme dados fornecidos pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Predomínio na cidade é o de serviços e agropecuária.

Nas eleições de 2016, Tuta foi eleito com 54,75% dos votos. O prefeito derrotou os candidatos Ângela Cargoso (PR), que teve 35,14% dos votos, e José Souza Dias, do PDT, que teve 10,12% dos votos. 

 

Veja também