(67) 99826-0686
Doacao orgaos - outubro

Mesmo com chuva, amigos e companheiros políticos se despedem do ex-governador Wilson Barbosa

Políticos destacaram o legado deixado por 'Dr. Wilson'

13 FEV 2018
Thiago de Souza e Airton Raes
16h35min
Rose Modesto destacou legado do ex-governador Foto: Wesley Ortiz

Amigos e companheiros políticos do ex-governador Wilson Barbosa Martins, estiveram no velório dele, na tarde desta terça-feira (13), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes. Os grandes feitos para a política foram enaltecidos por quem acompanhou a história do político e escritor centenário.  

A vice-governador Rose Modesto (PSDB) esteve no local representando o Governo do Estado. A tucana destacou a importância do 'Dr. Wilson' também para o país, ao citar a passagem dele como deputado federal e senador.

Rose acrescentou que nesses ''cem anos de vida que Deus proporcionou a ele, deixou uma semente, um legado''.

Amigos se despedem do ex-governador de MS. (Foto: Wesley Ortiz)

O pecuarista Ricardo Bacha, ex-secretário de infraestrutura e Fazenda nas gestões de Barbosa Martins, destacou que o ex-governador fazia a 'grande política'.

''Ele pensava em fazer o bem. Era um estadista. Tinha visão política'', destacou Bacha, que também foi presidente da então empresa energética de Mato Grosso doSul, Enersul.

Amigo do ex-governador, o coronel Adib Massad, ex-comandante do Departamento de Operações de Fronteira foi suscinto, mas deixou a homenagem para o amigo.

'' O Dr Wilson fez tudo o que pode...honesto, trabalhador'', lembrou Adib.

Adib Massad era amigo do ex-governador. (Foto: Wesley Ortiz)

Família

Um dos primeiros a chegar ao velório foi o sobrinho Celso de Souza Martins. Ele disse que não há uma única palavra para descrever o legado deixado pelo tio.

Wilson Barbosa Martins morreu aos 100 anos, na casa onde morava, na rua 15 de Novembro, na madrugada desta terça-feira (13). A causa foi insuficiência cardíaca.

O velório segue até às 22 horas de hoje, onde fica suspenso até às 6 horas. A família não divulgou o horário do enterro, já que há pendências com o cartório, que ainda não emitiu o atestado de óbito.

A família do ex-governador adiantou que não haverá desfile no carro do Corpo de Bombeiros. O corpo será transportado no carro da funerária.

Os parentes também tentam liberar as vias do Parque dos Poderes, fechada aos finais de semana para práticas esportivas. Tanto a Mato Grosso quando a Afonso Pena estão interditadas.

Veja também