FAPEC
Assembleia a  04 a 18/12
(67) 99826-0686
cidade natal pmcg

Paulo Corrêa solicita relatório do número de funcionários da JBS ao Ministério do Trabalho

No TARE firmado com o governo atual e empresa prometeu gerar 1010 mil novas vagas de emprego

9 AGO 2017
Ascom
12h53min
Foto: Ascom

O presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) das Irregularidades Fiscais e Tributárias de Mato Grosso do Sul, deputado Paulo Corrêa, esteve nesta segunda-feira (08), na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Estado, em Campo Grande, para solicitar informações sobre a quantidade de funcionários nas unidades da JBS instaladas no Estado e declarada pela empresa no CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).

Conforme o presidente foi solicitado ao Superintendente Regional do Ministério do Trabalho, Vladimir Benedito Struck, dados referentes às duas unidades de Campo Grande e as unidades de Coxim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã, Anastácio e Cassilândia. 

Segundo ele, os dados são essenciais para comprovar se a JBS cumpriu o que estava previsto no TARE (Termo de Acordo de Regime Especial) 1103/2016, firmado com o governo atual, de gerar 1010 mil novas vagas de emprego, passando de 5890 para 6900 vagas, um aumento de 17%. 

“A CPI está investigando tudo, tanto o que foi prometido pelo Estado, quanto o que foi prometido pela empresa e agora queremos saber o que foi cumprido por ambas as partes. Para isso, precisamos confrontar dados e eu solicitei esses dados diretamente ao Delegado Dr. Vladimir Struck, que nos atendeu prontamente e se comprometeu a entregar um relatório oficial o mais rápido possível”, disse Paulo Corrêa. 

A próxima reunião da Comissão está marcada para amanhã (09), às 15h30, no Plenarinho Nelito Câmara, Assembleia Legislativa de MS. 

Veja também