(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

PT incluirá discussão sobre PSDB na reunião de hoje

Aliança

29 OUT 2013
Juliene Katayama
13h15min
Foto: Izaias Medeiros/Câmara

A agonia do PT está próximo do fim. Na tarde de hoje o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) vai definir se aceita as reivindicações do partido ou se afasta o último grande aliado. Na pauta de discussão também está incluída a aliança com o PSDB que já declarou fora da base do progressista.

Segundo o líder do prefeito, Alex do PT, Bernal deve concordar com os pontos exigidos pelo PT para continuar na base aliada. Para ele, o progressista só precisa acertar a relação política para a adminsitração decolar. "Se resolver a relação política ai ninguém mais segura. Resolvendo na política, resolve as questões administrativas", afirmou o petista.

Para isso, o prefeito também precisa recuperar o apoio dos tucanos. "Vamos incluir também a relação com o PSDB", garantiu Alex. O PSDB caminhou junto de Bernal no segundo turno da eleição do ano passado. Mas desde que o prefeito ignorou as propostas tucanas, o partido se afastou.

Em ação - Apesar dos sinais de que Bernal irá acertar todas as condições impostas pelo PT, Alex cobra agilidade em executar as propostas. "Acertar é uma coisa e executar é outra", ressaltou.

Para o petista, o mais importante é mudar a forma de governo. "A forma do jeito que está não deu certo", finalizou. Além de reconquistar aliados políticos, o PT também exige que o prefeito consiga a governabilidade; escolha o Chefe de Gabinete; e faça uma reforma administrativa no secretariado.

Veja também