(67) 99826-0686
Balanço PMCG fev

Com crises financeiras, Santa Casa de Corumbá vai suspender cirurgias eletivas

Exames de alto e médio custo também serão suspensos

25 JAN 2019
Rodson Willyams
12h06min
Foto: Reprodução / Anderson Gallo/Diário Corumbaense

A Santa Casa de Corumbá vai suspender todas as cirurgias eletivas (SUS, convênios, particular), bem como exames de alto e médio custo (tomografias e colonoscopias eletivas) a partir de 28 de janeiro. O anúncio foi feito pelo diretor do corpo clínico do hospital, Lauther da Silva Serra, que encaminhou o comunicado ao governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB) e ao prefeito de Corumbá, Marcelo Iunes (PSDB), além de outras autoridades do município que fica distante 426 km de Campo Grande.

Segundo o médico, o ano de 2018 foi "turbulento" e o Hospital passou por várias dificuldades, como "atraso de pagamentos,  falta de materiais, medicamentos e insumos, tendo como tendência a piorar, pois há aumento diário do custo do atendimento hospitalar, somando-se ao atraso no pagamento de médicos", que vêm recebendo pelo atendimento a pacientes, em parcelas, há mais de 8 meses.  

Segundo o site Diário Corumbaense, o documento ainda ressaltou que o hospital está sob intervenção do Estado e dos municípios de Corumbá e Ladário desde 2010, mas as dívidas com fornecedores "só têm aumentado devido à falta de aporte de dinheiro suficiente para o bom atendimento da população".

Por isso, a partir de segunda-feira (28), passarão a ser atendidos somente casos de urgência e emergência. Ficam suspensas todas as cirurgias eletivas e os casos de média e alta complexidade, principalmente aqueles que necessitam de órtese e prótese, devem ser  encaminhados a hospitais de referência no Estado. 

 

Veja também