(67) 99826-0686
PMCG Janeiro

MS é o 5º estado do país em casos de mortalidade por câncer de mama

8 OUT 2013
Carlos Guessy
08h00min
Símbolo da campanha do Outubro Rosa

O câncer de mama é a segunda causa de morte entre mulheres. Somente no ano de 2011, a doença fez 13.225 vítimas no Brasil. Para estimular a detecção precoce do câncer de mama, o Ministério da Saúde iniciou a campanha conhecido como Outubro Rosa.

A cor rosa simboliza alerta às mulheres para que façam o autoexame a partir dos 50 anos, a mamografia, diminuindo os riscos que aparecem nesta faixa etária. Para que mais mulheres possam fazer o exame, o Ministério investiu, em 2012, R$ 92,3 milhões, um aumento de 17% em relação a 2011.

Em qualquer lugar do mundo, a iluminação rosa é compreendida como a união dos povos pela saúde feminina. Em Brasília, desde o dia primeiro (1º), o prédio Central do Ministério da Saúde e o Congresso Nacional estão iluminados com luzes cor-de-rosa.

Em Campo Grande, o relógio da avenida Calógeras, a Prefeitura, a Morada do Baís, o Aeroporto e o Obelisco na Afonso Pena e a torre da TV Morena estão com uma nova roupagem de iluminação rosa.

Segundo a secretaria, Mato Grosso do Sul é o 5° estado do país em casos de mortalidade por câncer de mama. O governo estadual pretende reverter esta posição com ações individuais e coletivas, com elaboração de campanhas e disponibilização de ações de prevenção. Entre 2012 e 2013 espera-se que tenham 740 novos casos de câncer de mama no estado, destes 330 em Campo Grande.

As mulheres que quiserem fazer os exames e ver como está a saúde, o ônibus da Rede Feminina de Combate ao Câncer está diariamente no pátio do Hospital do Câncer Alfredo Abrão, na rua Marechal Rondon esquina com a Ernesto Geisel, das 7 às 19 horas. Os exames são gratuitos e as mulheres tem a oportunidade de fazer exames preventivos, de auto-exame, e outros que por ventura sejam necessários.

Na segunda semana do Outubro Rosa, a ação será levada para o CEM (Centro de Especialidades Médicas), onde as voluntárias da Rede Feminina realizarão o trabalho de conscientização. Já na terceira semana, as orientações serão feitas na UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) do bairro Universitário.

Sancionada pela presidente Dilma Rousseff, a Lei 12.732/12, conhecida como Lei dos 60 dias, garante aos pacientes com câncer o início do tratamento em no máximo 60 dias após a inclusão da doença em seu prontuário, no SUS. O prazo máximo vale para que o paciente passe por uma cirurgia ou inicie sessões de quimioterapia ou radioterapia, conforme prescrição médica.

Símbolo da campanha do Outubro Rosa
Símbolo da campanha do Outubro Rosa
Símbolo da campanha do Outubro RosaFaça o exame de mama.

Veja também